domingo, 28 de fevereiro de 2021

BMW Group comemora a primeira década da BMW i olhando para o futuro e relembrando sua trajetória na mobilidade sustentável, com página dedicada à marca e campanha nas redes sociais.




Pioneira em mobilidade sustentável, a BMW i comemora 10 anos de mercado relembrando os marcos de sua primeira década ─ de seu nascimento em 2011 e olhando para o futuro, com o BMW iX, que será lançado em breve também para o Brasil. O décimo aniversário da marca BMW i também será o foco de uma ampla campanha nas redes sociais do BMW Group, que terá duração até o Salão Internacional do Automóvel (IAA) de 2021. Em nosso país, atividades de social media irão celebrar o aniversário durante as próximas quatro semanas com conteúdo dedicados duas vezes por semana nos canais da BMW do Brasil.

“Conhecido pelo seu pioneirismo, o BMW Group começou a modelar o futuro da mobilidade sustentável no mundo em 2011 com o lançamento da submarca BMW i. Na vanguarda da mobilidade elétrica, a marca apresentou ao mundo novos conceitos de tecnologias, sustentabilidade e design. No Brasil, BMW i foi a primeira marca a lançar, em 2014, um veículo 100% elétrico, o BMW i3 e um híbrido com tomada, o BMW i8. Um verdadeiro sucesso na liderança da eletrificação da mobilidade brasileira, também implementou o corredor Rio -São Paulo, o mais importante corredor elétrico da América Latina. Parabéns pelos 10 anos, BMW i”, afirma Henrique Miranda, Head de BMW i para a América Latina.

A BMW i representa a transformação da mobilidade individual e desempenha um papel central dentro do BMW Group, atuando como uma oficina do futuro e impulsionando inovação para toda a empresa. A marca é caracterizada por uma abordagem holística de sustentabilidade. O progresso atual nos campos futuros do D-ACES (Design, Autônomo, Conectado, Eletrificado e Serviços/ Compartilhado) está diretamente ligado à BMW i.

O papel da BMW i, como uma pioneira da mobilidade visionária, influencia o desenvolvimento de veículos do BMW Group e é reforçado no ano de aniversário da marca. A produção do BMW iX começará em apenas alguns meses. O modelo BMW i totalmente elétrico é o carro-chefe das novas tecnologia do BMW Group nas áreas de design, direção automatizada, conectividade, mobilidade elétrica e serviços digitais. Isso será seguido um pouco mais tarde pela estreia mundial do BMW i4, que transfere o prazer de dirigir puramente elétrico para o segmento central da marca, a classe esportiva premium de médio porte, pela primeira vez.

Ambos os modelos apresentam a tecnologia BMW eDrive de quinta geração, que define o novo padrão competitivo de veículos eletrificados, não apenas graças à eficiência excepcional da propulsão elétrica e à longa autonomia obtida a partir da tecnologia de célula de bateria de última geração. O princípio de design do motor também mostra como a sustentabilidade se tornou a meta central de desenvolvimento do BMW Group, que vai muito além da condução livre de emissões. Além disso, o uso de matérias-primas obtidas de acordo com rígidos padrões ambientais e sociais, uma proporção excepcionalmente alta de materiais reciclados e secundários, e o uso de eletricidade gerada exclusivamente por fontes renováveis ​​na produção do modelo contribuem para o caráter do BMW iX voltado ao futuro.

A mobilidade elétrica continuará ganhando importância no futuro e se tornará um fator significativo para o crescimento sustentável. A meta do BMW Group é oferecer 25 modelos eletrificados até 2023 e ter mais de sete milhões de veículos eletrificados nas estradas em todo o mundo até 2030, sendo dois terços totalmente elétricos. Como parte da ofensiva de modelos que o BMW Group está perseguindo consistentemente, a próxima geração dos carros BMW Série 7 de luxo, por exemplo, terá uma versão puramente elétrica. Os modelos BMW Série 5 e BMW X1 também irão ganhar uma versão totalmente elétrica.

sábado, 27 de fevereiro de 2021

A ilha privada nas Maldivas que custa 65 mil euros por noite



Chama-se Ithaafushi e apresenta-se como um dos destinos de sonho mais caros do Mundo. Fica no arquipélago das Maldivas, no Oceano Índico, e é uma ilha privada apenas ao alcance alcance de bolsos mais recheados.

Cada noite em Ithaafushi custa qualquer coisa como 65 mil euros. Luxo não falta neste paraíso milionário. Privilégio também não.

Pertencente à cadeia hoteleira Waldorf Astoria, orientada para unidades onde a qualidade de topo é marca recorrente, a ilha de Ithaafushi tem acesso de barco desde o Aeroporto de Velana, o único das Maldivas. O percurso dura pouco mais do que 30 minutos.

O pequeno/grande complexo é composto por um compartimento com dois quartos, sala de estar e piscina, e outro com três quartos e duas piscinas, além de um terceiro com quatro quartos e uma sala comum.

Os hóspedes podem usufruir, além de uma paisagem única, de um mordomo particular, refeições provenientes de um restaurante premiado com estrela Michelin, ginásio, jacuzzi, ou de um centro de meditação e ioga, entre outras comodidades.

Uma equipa da Waldorf Astoria está permanentemente ao dispor para qualquer eventualidade, pronta para que nada falte. E há professores particulares de mergulho e esqui aquático também ao dispor.

“Fazemos todo o possível para garantir a estadia memorável”, assegura Etienne Dalancon, diretor-geral do Waldorf Astoria Maldives. Uma tarefa que, atendendo ao luxo em questão, não parece complicada…

Fique a conhecer este autêntico paraíso.

Ilha tem acesso controlado (Foto: DR/Waldorf Astoria Hotels and Resorts)

Luxo apenas ao alcance de alguns (Foto: DR/Waldorf Astoria Hotels and Resorts)

Um límpido mar azul é paisagem de marca e inspiração (Foto: DR/Waldorf Astoria Hotels and Resorts)
Ithaafushi é a maior ilha privada do Mundo (Foto: DR/Waldorf Astoria Hotels and Resorts)
É permitido um máximo de 24 hóspedes (Foto: DR/Waldorf Astoria Hotels and Resorts)
Acesso é restrito e mediante condições apertadas (Foto: DR/Waldorf Astoria Hotels and Resorts)
Piscina e jacuzzi fazem parte da luxuosa oferta (Foto: DR/Waldorf Astoria Hotels and Resorts)
Um ponto de inspiração em pleno Oceano Índico (Foto: DR/Waldorf Astoria Hotels and Resorts)
Todas as divisões têm acesso direito à praia (Foto: DR/Waldorf Astoria Hotels and Resorts)
Paraíso conta, até, com serviços de um restaurante premiado com estrela Michelin (Foto: DR/Waldorf Astoria Hotels and Resorts)
Entrada para uma experiência inolvidável (Foto: DR/Waldorf Astoria Hotels and Resorts)

Companhia de aviação inventa sistema em que os passageiros não têm que tocar em nada



     Sistema foi implementado pela Qatar Airways (Foto: Karim Jaafar/AFP)


A Qatar Airways anunciou que será a primeira companhia aérea do Mundo a oferecer aos passageiros uma tecnologia de entretenimento em voo 100% Touch-Free Zero-Touch.

O objetivo da companhia aérea do Médio Oriente é assegurar o máximo de segurança contra a pandemia de covid-19.

A Zero-Touch permite que os passageiros emparelhem os seus dispositivos dispositivos eletrônicos a uma tela instalada no encosto do banco posterior ou, em alternativa, aceder aos conteúdos que pretender através de um código QR.

O sistema limita a frequência de contato com a superfície e oferece mais de 4.000 possibilidades de oferta de entretenimento.

“Os passageiros que viajam a bordo da frota Airbus A350 da companhia aérea poderão em breve aceder ao premiado sistema de entretenimento em voo, Oryx One, através dos seus dispositivos eletrônicos, minimizando o risco de covid-19”, explicou a Qatar Airways.

A transportadora aérea tornar-se-á também a primeira na Europa, Médio Oriente e no norte de África, a oferecer aos passageiros a opção de emparelharem os seus auscultadores bluetooth pessoais com o sistema IFE de encosto dos bancos.


Este sistema estará disponível em todas as cabines da frota Boeing 787-9 da Qatar Airways.

Fonte: Volta ao Mundo

Grupo VW é oficialmente reintegrado ao Pacto Global da ONU. • Cinco anos após a crise das emissões de diesel, o Pacto Global das Nações Unidas decidiu reintegrar o Grupo Volkswagen • O principal fator decisivo foi a conclusão bem-sucedida do monitoramento feito pelos EUA

 

O Pacto Global da ONU confirmou a reintegração do Grupo Volkswagen como participante. Após um intervalo de cinco anos, o Grupo retorna à maior iniciativa de sustentabilidade corporativa do mundo. O principal motivo para esta decisão foi a política de conformidade e integridade totalmente reconstruída do Grupo Volkswagen, como resultado da supervisão concluída com êxito pelo Departamento de Justiça dos EUA. O ambicioso programa de proteção climática do Grupo também foi bem recebido. Em 2025, o Grupo Volkswagen planeja cortar suas emissões de CO2 ao longo do ciclo de vida de seu portfólio de automóveis de passageiros em 30% em comparação com 2015 e pretende ser neutro para o clima até 2050. Em 2016, a Volkswagen também nomeou um Conselho de Sustentabilidade independente.

Fundado em 2000 como uma iniciativa especial do Secretário-Geral da ONU, o Pacto Global das Nações Unidas é um apelo às empresas em todo o mundo para que alinhem suas operações e estratégias com os Dez Princípios nas áreas de direitos humanos, trabalho, meio ambiente e combate à corrupção. Todas as empresas participantes são obrigadas a relatar publicamente uma vez por ano suas respectivas atividades para implementar os princípios. Para investidores e gestores de ativos no mercado de capitais, a participação é um critério importante em termos de investimento em ações e obrigações do Grupo Volkswagen.

O Grupo Volkswagen participava do Pacto Global da ONU desde 27 de agosto de 2002. No entanto, em função da crise de emissões de diesel, a empresa se retirou em novembro de 2015. Nos anos seguintes, o Grupo Volkswagen continuou seus relatórios em alinhamento com os requisitos do Pacto Global da ONU e explicou que buscaria o restabelecimento como uma questão de prioridade. Em novembro de 2020, o CEO do Grupo Volkswagen, Dr. Herbert Diess, finalmente solicitou formalmente a renovação da participação de sua empresa. O Grupo Volkswagen está agora mais uma vez oficialmente listado como um participante do Pacto Global da ONU. A empresa está atualmente trabalhando em um plano de reengajamento com o Pacto Global e publicará sua Comunicação de Progresso com base nisso.

Além do monitoramento e do compromisso com um programa abrangente de proteção do clima, outro passo particularmente importante que o Grupo Volkswagen deu após a crise de emissões de diesel foi a nomeação de um Conselho de Sustentabilidade independente com especialistas de renome internacional em 2016. Eles apoiam a empresa em sua transformação crítica e construtiva com recomendações públicas. O porta-voz do Conselho de Sustentabilidade é o Diretor Executivo fundador e ex-CEO do Pacto Global da ONU, Georg Kell. Sobre a reintegração do Grupo Volkswagen no Compacto, ele explicou:

“A retirada da Volkswagen do Pacto Global da ONU foi um passo drástico na esteira da crise do Diesel. Uma empresa que antes se sentia quase invencível foi publicamente excluída da respeitada comunidade empresarial das Nações Unidas. Não era apenas uma questão de prestígio. Era uma questão de orgulho. Desde então, a Volkswagen tem trabalhado para renovar a base de valor da empresa. A estratégia de eletrificação do Grupo colocou-o na vanguarda da transformação da indústria automobilística. A volta ao Pacto Global da ONU, portanto, deve ter o mesmo poder simbólico de sua exclusão há cinco anos. Mostra que a Volkswagen, embora longe de ser infalível, aprendeu com seus erros. É um momento para cada empregado da Volkswagen fazer uma pausa por um segundo e se orgulhar do que foi alcançado juntos.”

Membro do Conselho de Administração Hiltrud D. Werner defende o fortalecimento do Sistema de Gerenciamento de Conformidade Ambiental. Ela explica: “Entre os nossos princípios mais elevados está o cumprimento dos regulamentos, leis e compromissos voluntários, incluindo e particularmente no que diz respeito ao meio ambiente. Isso foi consagrado em nosso Sistema de Gestão de Conformidade Ambiental. É a base do nosso comportamento diário em todo o Grupo. Aqui, colocamos o foco em todo o ciclo de vida de nossos produtos e serviços, da produção ao uso até a reciclagem, e estabelecemos explicitamente metas, responsabilidades, diretrizes e processos. Para proteger nossa comunidade, clientes, empregados e, claro, o meio ambiente. Com a declaração de missão ambiental do Grupo ‘goTOzero’, demos o próximo passo importante para nos tornarmos uma empresa focada na sustentabilidade em todos os níveis como parte de nossa estratégia TOGETHER 2025+.”



sexta-feira, 26 de fevereiro de 2021

Resultados do ano completo de 2020 para a FCA e para o Groupe PSA



A Stellantis N.V. (NYSE / MTA / Euronext Paris: STLA) (“Stellantis”) anunciou que os resultados do quarto trimestre e do ano completo de 2020 para a Fiat Chrysler Automobiles N.V. (FCA) e os resultados do ano completo de 2020 para a Peugeot S.A. (Groupe PSA) serão divulgados na quarta-feira, 3 de março de 2021.

Um webcast ao vivo e uma teleconferência para apresentar os resultados de 2020 para a FCA e para o Groupe PSA terão início às 11h30 (horário de Brasília) na quarta-feira, dia 3 de março de 2021 (somente em inglês).

O material de apresentação e o comunicado de imprensa relacionados a este evento deverão ser postados na seção de Investidores no website da Stellantis aproximadamente às 4h30 (horário de Brasília) deste dia. Os detalhes para acessar o webcast ao vivo e a teleconferência também estão disponíveis na mesma seção.

Para aqueles que não puderem participar da sessão ao vivo, um replay estará disponível no website corporativo.

Jeep® participa do Globo de Ouro com ações comemorativas pelos 80 anos da marca - Agenda de comemorações pelos 80 anos da Jeep® começa com ações durante a transmissão da premiação - Público poderá interagir com a marca pelo Twitter no decorrer da cerimônia

Que a história dos 80 anos da Jeep® daria um filme ninguém duvida. Seus veículos também já participaram de diversas atrações cinematográficas nas últimas décadas. Agora, a marca terá mais uma ligação com esse mundo. A Jeep participará da transmissão da 78ª edição do Globo de Ouro, que acontece no próximo domingo (28/02) e será exibida pelo canal TNT. A ação inicia a agenda de comemoração pelos 80 anos da marca, com participações durante o evento, vinhetas, além da interação com o público pelo perfil oficial da Jeep no Twitter.

“A participação inovadora na transmissão do Globo de Ouro traz uma possibilidade única de contar um pouco da história da Jeep de forma diferenciada, criativa e próxima do público, ao vivo. A Jeep está celebrando 80 anos em 2021 e começamos a comemorar esta data em um evento a altura da marca, em uma cerimônia digna do tapete vermelho e considerada uma das premiações mais importantes do cinema”, afirma Malu Antonio, gerente de Marketing e Comunicação da Stellantis para a região da América Latina.

Além das vinhetas durante a programação e no intervalo, a marca fará uma dinâmica de competição entre os apresentadores Thiago Abravanel e Carol Ribeiro. A ação ocorre ao longo do programa Esquenta TNT, antes do início da cerimônia do Globo de Ouro seguindo, em paralelo ao evento, e interação com o público pelo Twitter.

A competição entre os apresentadores consiste em sortear uma das datas importantes para a marca Jeep. Ao girarem uma roleta digital, um ano será definido e eles precisarão responder uma pergunta relativa ao Globo de Ouro daquele período. Quem acertar mais perguntas, ganhará um kit da Jeep Gear. A data estará associada às informações históricas de modelos da Jeep daquele ano que também serão passadas ao público.

Ao mesmo tempo, a ação acontecerá via Twitter no perfil oficial da Jeep. A marca continuará a conversa iniciada no palco, postando as respostas para as questões feitas aos apresentadores e cartazes feitos pelos ilustradores do espaço de criação artística, Casa Locomotiva. As imagens terão informações alusivas aos modelos de sucesso Jeep mencionados em cada data sorteada. Eles estarão em linguagem de cinema, como se fossem pôsteres de um filme, com títulos, período em que o veículo esteve em cartaz pelas ruas e trilhas off-road, o sucesso de bilheteria com os números de vendas, entre outras informações.

Durante a transmissão, ainda será exibido o filme comercial da marca durante o intervalo e ocorrerão inserções na vinheta de abertura e encerramento do programa. Além disso, as redes sociais da TNT também terão conteúdos exclusivos e interação com o perfil da Jeep.

Acompanhe os canais oficiais da Jeep:

Twitter: https://twitter.com/JeepdoBrasil

Facebook: https://www.facebook.com/jeepdobrasil

Instagram: https://www.instagram.com/jeepdobrasil/

YouTube: www.youtube.com/jeepdobrasil

Jeep Nation: https://jeepnation.jeep.com.br/

Jeep Gear: https://www.jeep-gear.com.br/

Laranjinhas cariocas: os avanços do Rio de Janeiro com a micromobilidade. Há 10 anos, o Bike Rio é parte do cenário da cidade e recentemente lançou o maior projeto de e-bikes da América Latina. As laranjinhas já percorreram mais de 84 milhões de km, desde 2018, e em 2020 contribuíram com a economia de mais de 2 mil toneladas de CO²




O Rio de Janeiro está completando 456 anos e são diversos os motivos para adorar a cidade maravilhosa. Um dos serviços que conquistam diariamente mais cariocas, parte da paisagem da cidade, é o Bike Rio, sistema de bikes compartilhadas da Tembici, líder em tecnologia para micromobilidade na América Latina, patrocinado pelo Itaú Unibanco. As laranjinhas vêm contribuindo desde 2011 com o trânsito da cidade e melhores condições de deslocamento das pessoas, levando o Rio de Janeiro para o caminho das cidades inteligentes e em 2018, o sistema passou por uma mudança na tecnologia, trazendo ainda mais melhorias e inovação aos usuários.

O Bike Rio registrou no último ano que 73% das viagens foram feitas em dias de semana, o que só comprova que cada vez mais pessoas estão utilizando a bike como meio de transporte que, além de contribuir com o afastamento social durante a pandemia, é um modal sustentável, econômico e prático. De abril de 2020 a janeiro de 2021, houve um aumento de mais de 500% de novos usuários.

A maior adesão de bikes impacta significativamente no planeta, somente em 2020, no Rio, mais de 2 mil toneladas de CO² foram economizadas, sendo que a cada tonelada emitida, é necessário o plantio de 7,14 árvores para que o planeta não sofra os danos causados por esta emissão. Ao longo do ano, foram mais de 30 milhões de quilômetros percorridos, distância suficiente para dar 750 voltas na Terra.

O maior projeto de e-bikes compartilhadas da América Latina
No final de setembro, a Tembici e o Itaú anunciaram o lançamento do primeiro projeto latino-americano de bikes elétricas compartilhadas em sistema de estações fixas. Após um mês de operação, em constante crescimento, o projeto já havia registrado, em um mesmo dia, mais de 3 mil viagens e em fevereiro deste ano, o recorde foi batido, com 4 mil viagens em um único dia, um crescimento de 45% do número de viagens desde o lançamento no fim de setembro.

“Já utilizava e amava o sistema antes do lançamento das e-bikes, tenho o plano anual, mas agora com a bike elétrica, faço ainda mais trajetos pela cidade sem esforço algum. Acho a inovação muito importante para o trânsito, ela facilita a vida de quem a usa e contribui para o meio ambiente, é um carro a menos em circulação”, comenta Luciana Teubner, usuária do Bike Rio.

A bike elétrica expande a possibilidade de uso diário, uma vez que facilita deslocamentos mais longos, com menos tempo e em diferentes relevos, exigindo menos esforço de quem pedala. Também por esta razão, ela permite a muitas pessoas, que antes combinavam diferentes modais em seus trajetos, usar agora apenas a bike para se locomover, resultando também em economia financeira. São ao todo mais de 500 e-bikes espalhadas pelas estações já existentes na capital carioca.

“A implementação de bicicletas elétricas traz um enorme ganho para o cenário de micromobilidade na América Latina e contribui para o reconhecimento da bicicleta como o modal mais eficiente para deslocamento nas cidades. Sabemos que grande parte dos trajetos que as pessoas fazem no dia a dia não passa de 5 km, distância que pode ser facilmente percorrida com esse modal e já estamos observando distâncias maiores acontecendo, ao analisar dados de devoluções e retiradas das e-bikes nas estações”, explica Marcella Bordallo, Gerente Regional da Tembici.


Liberação de bikes por QR Code
Em fevereiro, a Tembici divulgou a implementação de uma nova funcionalidade no Bike Itaú: a liberação de todas as bicicletas por meio de QR Code. A inovação vai ao encontro dos novos hábitos de cuidados pessoais exigidos durante a pandemia, uma vez que o usuário não precisa digitar os códigos no dock das estações para destravar a bicicleta, basta aproximar o celular, evitando contato com o equipamento.

Desde setembro de 2020, uma pequena parte das estações no Rio de Janeiro já funcionava com a funcionalidade em caráter de piloto, junto com o lançamento do maior projeto latino americano de bikes elétricas compartilhadas em sistemas de estações fixas. Agora, todo o sistema do Bike Rio conta com a novidade e já representa 42% dos desbloqueios sendo feitos pela função, que está disponível nas plataformas Android e iOS.

Higienização e cuidados com os usuários e cidade
Alinhado às recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), que recomenda a bicicleta como principal modal de transporte neste período de pandemia, a Tembici reforçou a higienização de todas as bikes e estações. Além da limpeza diária com álcool 70%, ainda no centro de operações da empresa, todas as bikes são lavadas com cloro diluído em água. Mesmo com a limpeza recorrente, a Tembici recomenda que os usuários também apliquem álcool em gel 70% nas mãos antes e depois de utilizar as bicicletas, além de fazer uso de máscara.

ACESSE TODAS AS POSTAGENS E SAIBA TUDO SOBRE O MUNDO AUTOMOTIVO.