sábado, 31 de outubro de 2020

Definidos os destaques do turismo do tradicional Top Tur

 

   O cobiçado prêmio do turismo paranaense (Foto Divulgação)

Os destaques do setor turístico paranaense de 2019 vão receber no próximo mês, dia 25, em evento no Expo Unimed Curitiba, o Top Tur | Prêmio Panorama do Turismo | Profissionais do Ano. Essa cobiçada honraria traduz um processo de identificação de candidatos envolvendo indicação por parte de entidades representativas do setor, com âmbito estadual, e votação democrática pela internet.

Nessa oitava edição do prêmio, os mais votados, por categoria, foram: Meio de Hospedagem, Raquel Miguel (Jurema Águas Quentes); Estabelecimento Gastronômico, Flora Madalosso (Restaurante Madalosso); Agência de Turismo Receptivo, Felipe Gonzalez (Cassinotur); Agência de Turismo Emissivo, Lissandra Simionato (Star Turismo); Operadora, Adonai Arruda Filho (BWT Operadora); Empresa de Eventos, Daniele Higashi (De Angeli Eventos); Espaço de Eventos, Leonardo Zunino (Expo Unimed Curitiba); Guia de Turismo, Denise Guimarães; Divulgação Turística, Fernando Nóbrega (Viaje Mais | Band TV); e Personalidade do Ano, Deise Bezerra (Paraná Turismo).

A decisão de divulgar antecipadamente os vencedores – tradicionalmente, o anúncio era feito em jantar festivo, no estilo Oscar, com participação dos três mais votados de cada categoria – foi tomada pela comissão de homologação do prêmio, em reunião realizada na semana passada. No mesmo encontro ainda acabaram aprovados encaminhamentos relativos à edição 2020 da premiação, a qual, diante da pandemia, ocorrerá de forma diferente.

Da comissão de homologação do prêmio fazem parte representantes da Abav-PR, ABIH-PR, Abrasel-PR, Abeoc-PR, Abrajet-PR, ABGTur, Câmara Empresarial de Turismo da Fecomércio-PR e da revista Panorama do Turismo.

O prêmio, por outro lado, ganhou materialidade através de exclusiva obra de arte criada e produzida pelo escultor Curitibano Luiz Gagliastri.

____________________________________________

Para informações complementares: 41 | 99106-6852


sexta-feira, 30 de outubro de 2020

Como a pandemia nos fez migrar para o digital na marra?


A pandemia exigiu que os negócios acelerassem os seus processos de transformação digital. E isso não é mais nenhum luxo para as empresas, mas uma questão de sobrevivência. Você sabe como se reinventar rapidamente?

No Festuris Connection Meeting, Marcus Rossi (CEO e fundador da Gramado Summit) vai apresentar o case “10 anos em 1 - Como a pandemia nos fez migrar para o digital na marra”. Rossi é um empreendedor brasileiro da nova geração.

No mercado empreendedor, entendeu uma nova maneira de fazer eventos se tornarem rentáveis. Assim, em 2018, colocou a Gramado Summit debaixo de um novo portfólio e deu origem a Summit Hub - empresa brasileira de eventos e tecnologia.

Os ingressos para o evento custam apenas R$ 159 e dão acesso à feira de negócios. Vai perder essa oportunidade?

Quero comprar meu ingresso →

Festuris Connection Meeting vai acontecer nos dias 6 e 7 de novembro, paralelo à feira de negócios. Um evento presencial exclusivo que vai contribuir com a transformação do turismo.

Gramado Summit terá evento com José Galló (Renner) e Guilherme Paulus (CVC). Evento, que acontece de 16 a 19 de novembro, será digital e gratuito



Nos dias 16, 17, 18 e 19 de novembro, a Gramado Summit realiza um evento digital e gratuito, com palestrantes referências no mercado de empreendedorismo brasileiro. Entre os nomes confirmados estão José Galló (Renner), Nelson Sirotsky (Grupo RBS), Patrícia Turmina (Royal Trudel), Solon Stahl (Sicredi), Guilherme Paulus (CVC), Gui Massena e Edu Hommerding (Dobra), Dado Schneider (Professor) e Greta Paz (Eyxo). 

Para se inscrever, basta acessar o link e realizar um cadastro prévio. Os conteúdos serão transmitidos pelo site do Summit Talks (canal de eventos pockets da empresa), e a organização do evento enviará as informações de acesso antecipadamente. 

“A ideia é oportunizar, gratuitamente, que as pessoas tenham a possibilidade de aprender com empreendedores reais, que contribuem muito para a economia brasileira e que têm muito a ensinar sobre inovação”, salienta o CEO da Gramado Summit, Marcus Rossi.

Sobre a Gramado Summit - É considerada a maior conferência de inovação e tecnologia do país, realizada anualmente em Gramado/RS. A próxima edição ocorre de 10 a 12 de março de 2021, no Serra Park. Serão 140 palestrantes, quatro plenárias de conteúdo, cerca de 200 empresas expositoras e mais de 8 mil participantes. 

Mulheres Executivas assumem novas funções de liderança em áreas estratégicas da Fiat Chrysler Automóveis na América Latina


BETIM (MG)  – Três lideranças femininas assumem novas posições estratégicas de comando na Fiat Chrysler Automóveis (FCA) América Latina, com as mudanças efetivas a partir de 1º de novembro próximo. Cristiani Campos assume a diretoria de Desenvolvimento de Novos Negócios, passando também a integrar o Comitê Diretivo da FCA LATAM. Cristiane Paixão deixa o comando da área de Customer Care para assumir a diretoria executiva de FCA Saúde, enquanto Maiara Castro migra da Qualidade para o comando de Customer Care.  

Em busca de novos negócios

Cristiani Campos está no grupo há 20 anos. Graduada em Comércio Exterior com pós-graduação em Auditoria, ocupava a gerência sênior de Planejamento Financeiro e Controladoria para a América Latina – função que oferecia uma visão ampla dos negócios do grupo, sendo responsável pela elaboração do planejamento estratégico, consolidação dos resultados financeiros de 15 unidades de negócios, pela preparação dos orçamentos e definição dos indicadores de desempenho de cada área.

Ao longo da carreira, Cristiani dividiu o tempo entre funções na área Financeira e também no Comercial e em Produto. Passou por Vendas, Marketing, Estratégia de Produto, Gestão de Portfólio, Operações Comerciais e coordenou a área de Inteligência de Negócios. Nos últimos seis anos, dedicou-se integralmente à área financeira.

“Essa experiência acumulada favorece a percepção de oportunidades de desenvolvimento de novos negócios, para melhoria de desempenho e otimização de resultados. Este é um momento muito desafiador e instigante, pois a pandemia alterou alguns padrões de comportamento e consumo, possibilitando novas abordagens e novos produtos e serviços”, avalia Cristiani.

Para seu lugar na gerência sênior de Planejamento Financeiro e Controladoria foi promovido o executivo Carlos Kitagawa, com quem ela já trabalhava na área.

Nova gestão na FCA Saúde

Cristiane Paixão assume novo desafio como Diretoria Executiva da FCA Saúde, deixando a posição que liderança que exercia em Customer Care. Na nova função, liderará a estrutura que presta serviços de saúde (médico, odontológico, psicológico e de farmácia, entre outros) para as empresas dos grupos FCA e CNH Industrial, cuidando de cerca de 80 mil vidas - seja por meio do seu modelo de autogestão ou pelo gerenciamento de contratos com outras operadoras de saúde. 

Engenheira com especialização no setor automotivo, bacharelado em Matemática e mestrado em gestão de negócios e marketing, Cristiane Paixão está no grupo desde 1993 e passou pelas áreas de Pós-Vendas, Qualidade e Cuidado ao Cliente. Foi a primeira mulher a compor a diretoria do grupo no Brasil, ao dirigir a área de Qualidade entre 2013 e 2014.

“Este novo desafio me permitirá aliar minha experiência profissional em gestão e relacionamento com clientes a serviço da excelência no atendimento às pessoas na área de saúde, em um momento em que este tema é tão evidente e importante. É uma grande oportunidade de ampliar a minha vivência profissional e meus próprios conceitos de atendimento e relacionamento”, destacou Cristiane.

Com a mudança na gestão da FCA Saúde, o executivo Emanuele Capogna migra para a área de Desenvolvimento de Rede, sob a gestão de Roger Corassa, para apoiar o relacionamento da FCA com as redes de concessionárias de todas as marcas do grupo.

Novo comando no cuidado ao cliente da FCA

Cristiane será sucedida no comando da área de Customer Care pela também engenheira Maiara Castro, que ocupava a posição de gerente de Análise de Campo e Satisfação do Cliente na Diretoria de Qualidade. Há 13 anos no grupo, Maiara sempre trabalhou com foco na satisfação do cliente, através da análise e solução de problemas.

“Na área de Qualidade, nos concentramos no produto e nos processos. Agora, minha interface é diretamente com o cliente. É uma evolução interessante, porque todos os processos devem convergir em excelência no atendimento ao cliente”, afirma. Maiara é engenheira eletrônica com pós-graduação em Gestão de Projetos pela Fundação Dom Cabral (FDC).

Maiara será substituída na Qualidade por Rafael Gomes, que atuava como gerente da área de Métodos, DEMS e Integração da Qualidade.

Para a diretora de RH da FCA na América Latina, Erica Baldini, as mudanças trazem uma importante oxigenação ao comando da companhia e representam mais um importante passo na estratégia de reconhecer e proporcionar oportunidades aos diversos talentos femininos da FCA. “Temos muito orgulho e satisfação em ver essas três executivas, com longos históricos de contribuições valiosas à FCA, galgando mais um passo importante em suas carreiras e contribuindo em novas áreas altamente estratégicas para nós”.

quinta-feira, 29 de outubro de 2020

Como a Hotelaria se prepara para a retomada dos eventos?


Como a Hotelaria se prepara para a retomada dos eventos? Quais serão os diferenciais neste novo momento e perfil de consumidor? Como uma rede de 30 anos se reinventou durante a pandemia para manter a excelência no mercado?

No Festuris Live #63 vamos receber Plínio Ghisleni (sócio-proprietário do Laghetto Hotéis) e Diego Cáceres (CEO do Laghetto Hotéis)

Será nesta sexta-feira, 30 de outubro, 16h, pelo Instagram do @festurisgramado. Coloque na sua agenda e participe, vai ser imperdível!

Acompanhe a Live →

Abraço,

Marta Rossi

CEO Festuris Gramado

Renault lança no Brasil o sistema Carsharingn inicialmente para funcionários do sistema FIEP. - Veículos ficam à disposição para uso compartilhado pelos colaboradores do Sistema Federação das Indústrias do Paraná em formato station based (baseado em estações). - Reserva é feita diretamente pelo aplicativo Renault Mobility, já presente em diversos projetos de carsharing Renault pelo mundo. - Projeto também prevê o desenvolvimento de pesquisas voltadas para a Mobilidade Urbana pela Renault e Sistema Fiep, por meio do Senai.

 


A Renault inaugura um novo projeto de mobilidade sustentável em Curitiba. Agora os funcionários do Sistema Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) têm à disposição dois Renault Zoe 100% elétricos, um Kwid, um Sandero e um Captur Bose, para uso compartilhado. O carsharing é gerenciado por meio do sistema Renault Mobility, utilizado em diversos projetos da marca pelo mundo. No Brasil, o sistema está presente no carsharing interno da Renault para seus colaboradores desde 2018.

“Queremos ser referência em projetos de mobilidade sustentável no País. Esta parceria com o Sistema Fiep é mais uma iniciativa importante para facilitar a vida dos colaboradores e difundir a solução de carsharing”, afirma Ricardo Gondo, presidente da Renault do Brasil.




O carsharing opera no modelo de estações, em que os funcionários retiram e devolvem os veículos em locais determinados, e podem fazer livre uso dos automóveis durante o período de reserva. Por meio do aplicativo é possível visualizar a disponibilidade dos veículos e fazer a reserva. O tempo de utilização dos carros é livre, podendo variar desde minutos até dias, em qualquer dia da semana.

Inicialmente, o sistema possui duas bases: Sistema Fiep – Campus da Indústria (Av. Com. Franco, 1341 – Jardim Botânico) e Celso Charuri (Rua Paula Gomes, 270 – São Francisco). Para a recarga dos veículos, o Sistema Fiep possui um eletroposto com garagem fotovoltaica.

Para o presidente do Sistema Fiep, Carlos Valter Martins Pedro, “Mais do que oferecer um benefício aos colaboradores, a parceria com a Renault é importante para os esforços de pesquisa em mobilidade que a entidade vem desenvolvendo. O Sistema Fiep vem se dedicando a pesquisas em áreas inovadoras como inteligência artificial e ciência de dados. Com o Renault Mobility, pretendemos avançar ainda mais também nos estudos sobre mobilidade inteligente e sustentável”, afirma.




Estudos demonstram que projetos de mobilidade como esse diminuem a frota em até 30%, reduzindo o número de veículos. O sistema de compartilhamento também auxilia o trânsito nas cidades, reduzindo o número de veículos em circulação.

A Renault passa a oferecer este tipo de solução para empresas que têm interesse em implementar um sistema de carsharing no formato B2B. As empresas interessadas podem entrar em contato com a equipe Renault pelo e-mail: mobility.brasil@renault.com.
 



Expertise do Sistema Fiep
O Sistema Fiep, por meio do Senai Paraná, é uma referência em projetos com foco em mobilidade inteligente e eletromobilidade. Nesse sentido, o Instituto Senai de Inovação em Eletroquímica, em Curitiba, apoia o desenvolvimento de produtos e processos inovadores para a indústria automotiva com foco em baterias, sensores eletroquímicos, tintas inteligentes e revestimentos industriais. Além disso, o Sistema Fiep inaugurou, em 2018, o primeiro Centro de Mobilidade Sustentável e Inteligente do país, cuja missão é acelerar o desenvolvimento de competências com foco em eletromobilidade para os profissionais das indústrias.

Renault Lab
Em 2019, a Renault inaugurou uma unidade do Renault Lab na unidade do Sistema Fiep da CIC, em Curitiba. O espaço, que faz parte do ecossistema de inovação da Renault, tem foco no desenvolvimento de tecnologias voltadas à mobilidade sustentável, com ênfase em veículos elétricos. O espaço opera conectando profissionais, empresas, investidores e universidades na busca por soluções sustentáveis para mobilidade elétrica.

Renault, referência em mobilidade zero emissão   
Pioneira na tecnologia para veículos elétricos, a Renault também é referência em projetos envolvendo mobilidade zero emissão com quase 8 mil veículos 100% elétricos sendo compartilhados em diversas cidades do mundo. Em Madrid, capital da Espanha, o projeto Zity disponibiliza 650 Renault Zoe em formato de compartilhamento, com reserva feita diretamente pelo aplicativo. O Zity também está presente na França, nas cidades de Paris e Clichy, onde 500 Zoe estão disponíveis para locação em formato de carsharing e podem ser reservados 24 horas por dia durante os 7 dias da semana.     

Além dos projetos de compartilhamento de veículos, a Renault também possui projetos de Smart Island, ilhas funcionais, inteligentes e eco-friendly. Em Belle-Ile-En-Mer por exemplo, 18 Zoe e 2 Kangoo Z.E. transitam pela ilha em um serviço de carsharing e aluguel, movidos a energia solar e com sete pontos de recarga espalhados pela ilha. O projeto também faz a utilização de segunda vida de bateria. A ilha de Porto Santo, em Portugal, é outro exemplo de Smart Island. Por lá, 14 Zoe e 6 Kangoo Z.E. circulam e atuam como armazenadores da energia solar e eólica em parte do dia, impedindo que a energia gerada seja inutilizada ou descartada.

No Brasil, a marca também desenvolve diversos projetos de mobilidade zero emissão. Em Fernando de Noronha, seis veículos 100% elétricos são usados pela administração e circulam pela ilha, sendo 3 Zoe, 2 Twizy e 1 Kangoo Z.E.. Em evento realizado em 2019, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara assinou um decreto válido a partir de 2022, que permite apenas a entrada de novos veículos 100% elétricos em Fernando de Noronha.

Por meio dos projetos VEM DF e VEM PR os servidores públicos do Distrito Federal e do Paraná tem à disposição para uso compartilhado 16 Twizy e 10 Zoe, respectivamente. Os projetos foram desenvolvidos pela ABDI, em parceria com o Governos locais e o PTI.

Outra solução de Mobilidade Zero Emissão, em São Paulo, é oferecida pela Beep Beep, que disponibiliza mais de 30 Renault Zoe para uso compartilhado, com a reserva realizada diretamente por meio de um aplicativo.

Por meio de um acordo de cooperação técnica com Itaipu e PTI, a Renault atua no desenvolvimento de tecnologia nacional e de projetos envolvendo veículos elétricos. A parceria busca o desenvolvimento de soluções, ferramentas e inovações para o setor de eletromobilidade. O Renault Twizy já é utilizado pela Itaipu em sistema de carsharing com o aplicativo desenvolvido pelo próprio PTI específico para esta aplicação.

O Zoe é líder de vendas na Europa. No Brasil, mais de 300 veículos 100% elétricos Renault circulam pelo país, comercializados a clientes finais ou presentes em projetos de mobilidade e na frota de empresas e instituições pioneiras como: Itaipu, FedEx, MRV Engenharia, Companhia Paulista de Luz e Força (CPFL), Grupo TPC, Beep Beep entre outras.

Sobre o Grupo Renault       
Montadora de automóveis desde 1898, o Grupo Renault é um grupo internacional presente em 134 países, tendo vendido quase 3,8 milhões de veículos em 2019. O Grupo emprega atualmente mais de 180.000 colaboradores, tem 40 unidades industriais e 12.700 pontos de venda espalhados pelo mundo.      
    
Para responder aos grandes desafios tecnológicos do futuro e manter sua estratégia de crescimento rentável, o Grupo se apoia no desenvolvimento internacional, na complementariedade de suas 5 marcas (Renault, Dacia, Renault Samsung Motors, Alpine e LADA), nos veículos elétricos e em sua inigualável aliança com a Nissan e a Mitsubishi Motors. Com uma escuderia 100% Renault participando do Campeonato Mundial de Fórmula 1 desde 2016, a marca faz do automobilismo esportivo um verdadeiro vetor de inovação e notoriedade.

Sobre o Sistema Fiep
O Sistema Fiep é composto pela Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), Serviço Social da Indústria (Sesi), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e Instituto Euvaldo Lodi (IEL). As instituições trabalham integradas em prol do desenvolvimento industrial. Com linhas de atuação complementares, realizam a interlocução com instâncias do poder público, estimulam o fomento de negócios nacionais e internacionais, a competitividade, a inovação, a tecnologia e a adoção de práticas sustentáveis, e oferecem serviços voltados à segurança e saúde dos trabalhadores, à educação básica de crianças, jovens e adultos, à formação e aperfeiçoamento profissional, à formação de nível superior, além de capacitação executiva.

Coluna Fernando Calmon


Coluna Fernando Calmon


Nº 1.121 — 28/10/20

 



NISSAN VERSA EVOLUI

A PREÇOS COMPETITIVOS


 

O novo Versa marca, de fato, uma iniciativa de virar o jogo no altamente disputado mercado dos sedãs compactos “anabolizados”, aqueles que estão próximos dos sedãs médios em dimensões. A oferta hoje vai desde o Virtus (o de maior espaço interno) até o Logan (de menor preço), passando pelo líder Onix Plus, além de Cronos, Yaris e City para citar os principais. Ainda que o modelo vindo do México conviva com a geração anterior fabricada no Brasil e rebatizada de V-Drive, os dois somados podem ampliar participação de mercado da Nissan.

Ao utilizar a mesma arquitetura, ainda atual, do SUV compacto Kicks, o Versa avançou em estilo e conforto nas quatro versões disponíveis. Frente, traseira e perfil são atraentes, em especial a coluna C parcialmente pintada em preto. Na versão de topo, Exclusive, dispõe de rodas de aro 17 pol., faróis em LED (sem DRL), alerta e frenagem autônoma de emergência (não detecta pedestre e ciclista), alerta de tráfego traseiro, monitorização de pontos cegos, câmeras de 360 graus, detector de objetos em movimento e alerta de abertura da porta traseira para evitar esquecimento do motorista no destino, ao fechar o carro. Seis airbags são de série para toda a linha. Falta luz de neblina atrás.

Apesar de o comprimento praticamente igual ao V-Drive, o Versa é 4,5 cm mais largo, tem entre-eixos 2 cm maior e porta-malas de 482 litros (ganho de 22 litros e acesso melhor). Em altura são 4 cm a menos, mas o espaço para cabeça no banco traseiro foi preservado. O ambiente interno ficou aconchegante, materiais de acabamento melhoraram e há mais de 20 porta-objetos. Comandos de vidros elétricos nas quatro portas têm função um-toque só para o motorista e apenas para descer, uma economia em desacordo com o que o modelo oferece. Central multimídia de 7 pol. aceita Android Auto e Apple CarPlay (pode parear dois celulares) e inclui GPS nativo. Há três entradas USB (duas para o banco traseiro). Carregamento de celular por indução é vendido como acessório.

Câmbio automático é CVT e o manual, disponível apenas na versão básica. Motor de 1,6 L e 16 válvulas com comando variável entrega 114 cv e 15,5 kgfm, diferença muita pequena (mais 3 cv e 0,4 kgfm) para o V-Drive. O que não mudou são valores iguais para etanol e gasolina, ao contrário da maioria dos motores flex, mais potentes com etanol.

Em rápida avaliação da versão Exclusive, o Versa demonstrou boa evolução em dirigibilidade, comportamento em curvas e precisão de direção. Sensação de “carro na mão” é superior ao V-Drive e semelhante aos melhores concorrentes. Desempenho em aceleração e retomada não empolga, mas de 0 a 100 km/h (10,6 s) é quase 1 s melhor do que a versão V-Drive, 44 kg mais leve. Freios, a disco na frente e a tambor atrás, são suficientes para o desempenho mediano do modelo. Volante tem regulagem de altura e distância. Bancos dianteiros estão entre os melhores quanto a conforto e apoio do corpo. Atrás o espaço para as pernas também se destaca. O carro ficou nitidamente mais silencioso.

Preços vão de R$ 72.990 a R$ 92.990 entre os mais competitivos do segmento.

ALTA RODA

Costuma-se dizer que os preços dos automóveis no Brasil são “abusivos” e a lucratividade está acima da média mundial. Mas, quando o real se desvaloriza, ninguém se habilita a comparar os preços em dólar com os do exterior, simplesmente porque os produtos nacionais ficaram bem mais baratos. Ainda há o argumento de que o comprador não tem sua renda em dólar. Na realidade, há ciclos de lucratividade e de prejuízo como se observa agora, com grandes empréstimos das matrizes para filiais cobrirem perdas financeiras.

MERCEDES-BENZ GLB é o SUV de sete lugares que utiliza a mesma arquitetura do GLA de cinco lugares, produzido no Brasil. Como o GLB vem do México, sem imposto de importação, a versão especial de lançamento recheada de equipamentos sai por R$ 299.900. Com distância entre-eixos de 2,83 m oferece amplo espaço para pernas na fileira do meio e, no último par de bancos, só para crianças ou adultos de média estatura em pequenas distâncias. Motor turbo de 1,33 L, 163 cv e 25,5 kgfm.

Seminário Perspectivas 2021, da AutoData, mostrou a indústria de autopeças um pouco mais otimista do que a de veículos. Rafael Chang, presidente da Toyota, disse que terá de balancear produção e rentabilidade, mas acredita que no próximo ano o mercado interno será até 25% maior. Rogelio Golfarb, vice-presidente da Ford, afirmou que embora 2021 tenha retomada forte, está mais preocupado com 2022 em diante. Diferença entre inflação no atacado (IGP-M) e no varejo (IPCA) dificulta projeções.

REDE de 30 eletropostos que a EDP construirá nos próximos três anos em parceria com Audi, VW e Porsche terá custo bem salgado. Cada um, para atender apenas três veículos, custará R$ 1 milhão de reais. A energia não será cobrada, mas quando for não se sabe ainda como resolver. Em Portugal, o preço do kWh ficou caríssimo.

____________________________________________________________

www.fernandocalmon.com.br



VW up!, Saveiro e Tiguan têm a menor desvalorização do mercado em 2020. - Polo, Virtus e T-Cross também estão entre os modelos com maior valor residual após um ano de uso, segundo a agência AutoInforme

 


Três modelos Volkswagen ganham o selo Maior Valor de Revenda Autos 2020, da agência AutoInforme. Isto significa que estes modelos, dentro de suas respectivas categorias, são os que menos desvalorizam no mercado. São eles: up!, na categoria "Entrada", Saveiro, em "Picapes Pequenas" e Tiguan, em "SUV Médio". Este selo é mais um reconhecimento quanto à qualidade, tecnologia e durabilidade dos produtos da marca alemã.


Assista o vídeo: Volkswagen Tiguan


E esse reconhecimento já faz parte da história da VW. O up!, por exemplo, é o vencedor de sua categoria pela quinta vez, com um índice de desvalorização de 9,8% ao ano, despontando como um dos carros mais premiados pela pesquisa, que está em sua sétima edição. A picape Saveiro chega à sua quarta premiação, com um total de 15,1% de desvalorização. E o Tiguan também se junta ao hall de premiados pelo Selo Maior Valor de Revenda. O modelo foi eleito pela segunda vez consecutiva, com uma taxa de desvalorização de 10,9%.

Além dos ganhadores, mais três modelos Volkswagen ocupam a segunda posição em suas categorias. Entre os Hatches Compactos, o Polo ficou com um índice de apenas 9,9%, mesma taxa de desvalorização do Virtus, que também ocupou a segunda colocação, porém entre os Sedãs Compactos. O terceiro modelo a entrar para esta lista foi o T-Cross, que em seu primeiro ano completo no mercado já registra um índice de somente 10,2% de desvalorização entre os SUVs compactos.



A baixa desvalorização desses modelos mostra o quanto esses produtos são bem aceitos no mercado e o quanto a Volkswagen está conectada às necessidades de seus clientes, uma vez que o valor de revenda é um importante atributo para quem pretende adquirir um novo veículo. A pesquisa do AutoInforme considera diversos critérios para chegar ao valor de revenda dos carros e já premiou inúmeros outros modelos da Volkswagen em edições anteriores.


Veja mais sobre os modelos Volkswagen de Maior Valor de Revenda - Autos 2020:
Volkswagen up!
Volkswagen Saveiro



VW Amarok V6 com 258 cv é a picape média mais potente e rápida do País. Aceleração de 0 a 100 km/h em 7,4 segundos, semelhante a modelos esportivos da marca. Custa a partir de R$ 243 mil

 



São Bernardo do Campo (SP) - Aceleração de 0 a 100 km/h em apenas 7,4 segundos e velocidade máxima de 190 km/h (limitada eletronicamente). Com estes números de causar inveja a qualquer esportivo, a Volkswagen apresenta a Amarok com motor 3.0 V6 TDI (turbodiesel) de 258 cv. Fabricada na planta de General Pacheco, na Argentina, as primeiras unidades da picape média mais potente do País desembarcam nas concessionárias da marca nas próximas semanas, para estabelecer um novo patamar em termos de performance e dirigibilidade na categoria.

Best Class

Para conseguir extrair potência extra, a Volkswagen realizou um trabalho primoroso sobre o moderno motor 3.0 V6 TDI (turbodiesel), que já equipava a picape. Com uma nova calibração da ECU (central eletrônica), o propulsor passou dos 225 cv (165 kW) para 258 cv (190 kW), um ganho significativo de 33 cv (25 kW), ou 15%, entregues entre 3.250 rpm e 4.000 rpm. Juntamente com este ganho de potência, o torque foi elevado significativamente, passando de vigorosos 56,1 kgfm (550 Nm) para impressionantes 59,1 kfgm (580 Nm), o que representa um incremento de 5%. Esta força está totalmente à disposição do motorista entre 1.400 rpm e 3.000 rpm, garantindo robustez de sobra a todo momento. 

Outra importante novidade em termos de performance é a função 'Overboost', que  permite, durante 10 segundos, que o motorista tenha um incremento notável de 14 cv (10 kW), elevando a potência total da Amarok para 272 cv. Esta função está disponível quando a picape roda entre 50 km/h e 120 km/h. Este recurso é ideal para uma ultrapassagem em subida com a caçamba lotada, por exemplo. Depois de utilizada, a função 'Overboost' volta a estar disponível após apenas 5 segundos de intervalo. 



Atrelado a este moderno e agora revigorado motor 3.0 V6 Turbodiesel continua a eficiente transmissão automática de oito marchas, que também passou por uma recalibração, para adequação aos novos padrões de potência e torque. A transmissão entrega trocas suaves e praticamente imperceptíveis, garantindo não apenas máximo conforto aos ocupantes, mas também elevada eficiência energética. Este câmbio permite ainda trocas manuais pela alavanca ou pelas aletas (Shift Paddles) atrás do volante. 

Assim como a transmissão automática, a tração integral 4MOTION foi mantida, garantindo capacidade e segurança máxima, especialmente em situações fora de estrada, como em pisos de terra, cascalho ou muito acidentados. Outros recursos eletrônicos de série na picape Volkswagen são o Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC), HDC (Hill Descent Control ou Controle Automático de Descida), HSA (Hill Start Assist ou Assistente para Partida em Subida), BAS (Sistema de Assistência à Frenagem), ASR (Controle de Tração), EDS (Bloqueio Eletrônico do Diferencial), freios ABS off-road, RBS (sistema de frenagem na chuva), freios com discos ventilados nas rodas traseiras, airbags frontais e laterais para motorista e passageiro, e Post Collision Brake (sistema que para o veículo após uma batida frontal).



Tecnologia, ecnologia e conforto de um SUV de luxo
Uma das principais qualidades da Volkswagen Amarok é proporcionar um rodar suave e confortável igual a de um utilitário esportivo, independentemente da caçamba estar cheia ou vazia. Isso se deve à enorme quantidade de recursos tecnológicos e equipamentos voltados para o conforto e a comodidade não apenas do motorista, mas de todos os ocupantes.

Na configuração topo de linha Extreme, por exemplo, a Amarok oferece ar-condicionado digital Climatronic de duas zonas, bancos dianteiros (motorista e passageiros) com ajustes elétricos, câmera de ré, chave e chave reserva tipo canivete com comando remoto, função Coming & Leaving Home, Piloto Automático (controle automático de velocidade), display multifuncional com computador de bordo 'Premium Color', faróis bixênon com luz de condução diurna (DRL) em LED e regulagem de altura, faróis de neblina com luz de conversão estática, indicação de pressão dos pneus, retrovisor interno eletrocrômico, retrovisores externos elétricos, aquecíveis e rebatíveis eletricamente, sensores de chuva e crepuscular, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, travas e vidros (nas quatro portas) elétricos, sistema de alarme com comando remoto 'keyless', volante com regulagens de altura e profundidade, e bancos, volante multifuncional, alavancas de câmbio e de freio de estacionamento revestidos parcialmente em couro. 

Em termos de conectividade, as configurações Highline e Extreme trazem de série a intuitiva central de infotainment Discover Media com App-Connect, CD-player/MP3, conexão Bluetooth, entradas USB, SD-card (2) e aux-in, sistema de navegação nativo e tecnologia de espelhamento de smartphone via Apple CarPlay e Android Auto.



Oferta enxuta de versões
Assim como tem acontecido com todos os modelos da Volkswagen, a Amarok terá uma oferta enxuta de versões, tornando a experiência de compra por parte do cliente ainda mais simples e de fácil entendimento. Com isso, a picape será ofertada em três versões de acabamento - Comfortline, Highline e Extreme - e duas de motores - 2.0 TDI (turbodiesel) de 180 cv e 3.0 V6 TDI (turbodiesel) de 258 cv. Todas cabine dupla. 

Visual mais arrojado
Uma performance ainda mais robusta exige um design ainda mais arrojado. Junto com o  motor 3.0 V6 TDI de 258 cv de potência, a Amarok passa a oferecer o pacote Black Style para a versão topo de linha Extreme na cor Mystic Black. Como o próprio nome diz, a picape da Volkswagen assume um visual 'dark', com a introdução de uma série de acessórios na cor preta. 

São eles:

. Rodas de liga leve de 20 polegadas 'Talca' com acabamento em preto brilhante

. Para-choque traseiro em preto fosco

. Grade dianteira com frisos em Black Glossy e cromado

. Espelhos retrovisores externos em preto Ninja

. Estribos tubulares em aço em preto fosco

. Spoiler dianteiro em preto brilhante

. Frisos dos faróis de neblina em preto brilhante

. Detalhes de acabamento interno em preto brilhante


Grande na medida certa

A Amarok tem medidas ideais para ser ágil no perímetro urbano e grande no transporte de carga. O melhor dos dois mundos, independente da necessidade. A picape tem 5.254 milímetros de comprimento, 3.097 milímetros de distância entre os eixos, 1.834 milímetros de altura e 1.944 milímetros de largura. Preparada para rodar grandes distâncias, o tanque de combustível tem capacidade para até 80 litros. 

Já a caçamba tem uma capacidade volumétrica de 1.280 litros. Suas dimensões são 1.555 milímetros de comprimento, 580 milímetros de altura, 1.620 milímetros de largura e 1.222 milímetros entre as caixas de roda. A carga útil máxima, por sua vez, é de 1.156 quilos. 

 Amarok é a mais completa das picapes médias oferecidas no mercado brasileiro. Se já era referência em trabalho pesado no campo e conforto na cidade, agora a mais indomada das picapes impressiona por uma performance típica de carros esportivos. Definitivamente, somente uma Amarok pode superar outra Amarok.  

VOLARE: Biosegurança e Inovação para a retomada do Turismo



FESTURIS inicia na próxima quinta promovendo a retomada do turismo e dos negócios na América Latina. Feira de negócios turísticos terá benção nas alturas com sobrevoo de balão para marcar abertura

 



Em um ano atípico e repleto de dificuldades, o FESTURIS busca ser um agente transformador para acelerar a recuperação da cadeia do turismo. O evento acontece de 5 a 8 de novembro, no Serra Park, em Gramado. Na tarde da próxima quinta-feira, uma “bênção nas alturas” será o primeiro ato da abertura, com um sobrevoo de balão abençoando as dependências da feira e a cidade de Gramado. À noite acontece a solenidade oficial de abertura também no Serra Park.

Outro fato especial também marca a 32ª edição do FESTURIS. Ela será a primeira feira de turismo da América Latina a ser realizada no formato presencial desde o início da pandemia. Isso também motivou a organização do evento a fechar parcerias importantes na área de biossegurança, apresentar protocolos rígidos e um novo formato preocupado com a saúde dos participantes, com ainda mais foco na geração de negócios.



“A retomada do turismo é responsabilidade de todos que fazem ela acontecer. Turismo é movimento humano, por isso conclamamos a todos a participarem do FESTURIS. Sabíamos que a esperança precisava caminhar lado a lado com a coragem. E foi isso que fizemos, nos mantemos em movimento e trabalhando para construir um novo evento”, destaca a CEO do FESTURIS, Marta Rossi.

O evento ocupará um espaço de 25 mil m² e neste ano trabalha com uma estimativa de 4 a 5 mil inscritos, que estarão circulando em forma de rodízio em respeito às medidas impostas pelo governo estadual. A feira de negócios será nos dias 6 e 7 de novembro, das 12h às 19h. Na parte da manhã acontece o Connection Meeting, evento de conteúdo que terá como tema central a transformação do turismo.

Apenas participantes inscritos de forma antecipada e com a credencial impressa poderão acessar a feira. O atendimento pessoal no acesso foi substituído pelo moderno sistema “Safe Check-in”, com totens da Marcopolo Next que vão medir a temperatura, verificar o uso de máscara, validar credencial e oferecer álcool gel a todos os participantes. Esse é apenas um exemplo de segurança que os inscritos terão contato na feira.



“A indústria do turismo foi profundamente impactada pelo Covid-19. Mas é chegada a hora de reagirmos e não há outro caminho senão com trabalho, empenho e a união de todo o trade nacional e internacional. E é com este sentimento de esperança e determinação que o FESTURIS pretende servir de referência para as feiras que serão realizadas no primeiro semestre de 2021”, explica Eduardo Zorzanello, CEO do Festuris. 

Mais informações sobre o FESTURIS estão disponíveis no site www.festurisgramado.com



Abertura abençoada

Uma das novidades que estão sendo preparadas com responsabilidade e uma dose extra de carinho é a abertura do FESTURIS. Diferente dos anos anteriores, em que a cerimônia ocorria no Palácio dos Festivais, nesta edição o palco principal será o Serra Park. Aproveitando a linda paisagem do local, na tarde do dia 5 de novembro (quinta-feira), às 16h30, um balão irá sobrevoar os pavilhões da feira e depois a cidade. 



O balão será tripulado por um pastor e um padre locais, que das alturas estarão abençoando o evento, a comunidade de Gramado e despertando a espiritualidade em um momento tão especial como este que vivemos. “Vamos construir juntos um FESTURIS limpo em termos de higienização e de energia tão importantes nesse recomeço. Será inesquecível”, projeta Marta Rossi.

A ação é patrocinada pelo Sindicato de Hotéis, Restaurantes,Bares e Similares do Litoral Norte do RS através das seguintes empresas: Cantinho do Pescador, Tony Hotel, Pousada Baluarte, Ficare Hotéis, Pousada Aruá, Pousada Molhes da Barra, De Rose Hotéis, Solar Triad Clean Energy, Grupo de Hotéis Mar e Mar, Grupo de Hotéis Kimar, Hotel Mares do Sul, Hotel Bolzan, Litoral Praia e Acqua Lokos Parque Hotel.

Sobre o evento

O FESTURIS tem o patrocínio de Sebrae Nacional e CNC. O apoio de Ministério do Turismo e Embratur. Tem o Rio Grande do Sul como Estado anfitrião e Gramado como cidade anfitriã. A Gol Linhas Aéreas com transportadora aérea oficial e a LATAM Airlines como apoio aéreo. Tem o Laghetto Hotéis como rede hoteleira oficial, a Planalto Transportes como transportadora terrestre oficial, a Gramado Receptivo como agência oficial e a Brocker Turismo como transporte VIP. Os parceiros de biossegurança são Marcopolo Next, Imunizadora Hoffmann, IBES International e Hospital São Miguel. A Transul é responsável pela assistência médica oficial. A realização é de Rossi & Zorzanello Feiras e Empreendimentos.

Mercedes-Benz anuncia novo CEO para Cars & Vans Brasil. Jefferson Ferrarez, Head de Vendas & Marketing Mercedes-Benz Vans Brasil, sucederá Holger Marquardt como Head de Vendas & Marketing Mercedes-Benz Cars Brasil & CEO da Mercedes-Benz Cars & Vans Brasil, acumulando as duas funções · Holger Marquardt assume novos desafios como Head de Operações de Marketing Mercedes-Benz Cars Portugal & CEO da Mercedes-Benz Portugal

 






A Mercedes-Benz Cars & Vans terá um novo CEO no Brasil a partir de 1º de novembro. O executivo Jefferson Ferrarez, que já atua como Head das Operações de Vans no País, acumulará o cargo de Head de Vendas & Marketing da Mercedes-Benz Cars & CEO da Mercedes-Benz Cars & Vans, sucedendo Holger Marquardt, que está deixando o Brasil para ocupar a posição de Head de Operações de Marketing Mercedes-Benz Cars Portugal & CEO Mercedes-Benz Portugal.

O brasileiro Jefferson Ferrarez iniciou sua carreira no Grupo Daimler em 1989 na Divisão de Operações da Mercedes-Benz do Brasil. Com formação inicial em Processos de Produção, Pós-graduação em Marketing e MBA em Gestão Empresarial pela FGV e University of California, até o ano 2000 ele desempenhou diversas funções nos departamentos de Produção, Planejamento e Qualidade. Após esse período, o executivo fez uma transição na carreira e ingressou no Departamento Comercial, atuando nas áreas de Vendas, Marketing de Produto, Comunicação de Marketing e Desenvolvimento de Concessionárias. Ocupou diversos cargos na liderança das áreas de Automóveis e Veículos Comerciais, sendo nomeado, em 2017, Managing Director da Van Business Unit no país e, desde então, está liderando a equipe responsável por grandes resultados nos negócios de Vans Mercedes-Benz no mercado brasileiro, com destaque para a conquista da liderança nos últimos três anos, o lançamento bem-sucedido da Nova Sprinter no Brasil e a renovação do negócio de Vans na Rede de Concessionários Mercedes-Benz. No início de 2020, o executivo também se tornou membro do Conselho de Administração da Mercedes-Benz Cars & Vans Brasil.

“O potencial de mercado de Vans no Brasil é bem relevante para o Grupo Daimler. Estamos muito satisfeitos com a atuação do Jefferson nos negócios de Vans no país. Além disso, fico feliz que ele continuará o seu trabalho na divisão da Mercedes-Benz Vans”, comenta Lars Pauly, Head da Mercedes-Benz Vans Overseas.

Novos desafios em Portugal



Depois de cinco anos junto ao time da Mercedes-Benz Cars na América Latina e, desde janeiro, como CEO da Mercedes-Benz Cars & Vans Brasil, o alemão Holger Marquardt assumirá a posição de Head de Operações de Marketing Mercedes-Benz Cars Portugal & CEO da Mercedes-Benz Portugal a partir de 1º de novembro de 2020.

Holger ingressou no Grupo Daimler em 1990, como membro do programa de Trainee, na Alemanha. Nos anos seguintes, foi responsável pela criação de métodos e sistemas na área de Controladoria de Vendas, iniciou carreira internacional em várias funções de Controlling por Portugal, Espanha, África do Sul, Brasil e Turquia. Entre 2008 e 2015, liderou na China a área de Finanças e Controlling, primeiro da Joint Venture BBAC e depois da Sales JV BMBS. Em 2015, Holger tornou-se diretor administrativo da Mercedes-Benz Cars Vendas & Marketing da América Latina e Caribe, sendo responsável pelos negócios de automóveis no Brasil, na Argentina e pelos mercados e centros de distribuição nessa região.

“Juntamente com sua equipe, Holger Marquardt dirigiu com sucesso os negócios da Mercedes-Benz Cars nos últimos cinco anos na América Latina, tendo conquistado resultados notáveis nesse período, mesmo em um ambiente muitas vezes desafiador. Agradecemos por sua forte dedicação à região e desejamos sucesso nos novos desafios em Portugal”, declara Matthias Luehrs, Head da Mercedes-Benz Cars Overseas.  

“Também em nome do Grupo Daimler, estamos felizes por podermos contar com um profissional experiente como o Jefferson Ferrarez, que vem desempenhando um trabalho excepcional em Vans, e que unirá forças à equipe da Mercedes-Benz Cars Brasil. Nossos negócios estarão em excelentes mãos e estamos confiantes no futuro do mercado brasileiro de veículos premium para nossa marca”, conclui Matthias Luehrs.


ACESSE TODAS AS POSTAGENS E SAIBA TUDO SOBRE O MUNDO AUTOMOTIVO.