domingo, 30 de junho de 2013

ESTADUAL DE KART EM VOLTA REDONDA DEFINE VENCEDORES DE MAIS UMA ETAPA

Crédito Foto: Luiz Pinheiro

O kartódromo de Volta Redonda, neste final de semana, foi palco das disputas no Estadual de Kart, com a realização da segunda rodada do Campeonato de 2 Tempos e a quarta do 4 Tempos. 
Foram duas provas para cada categoria. Os vencedores foram:

Super Sport – Guilherme Jordan e Alexandre Odo

F4 Light – Pedro Luca venceu as duas provas

F4 – Marcos Rodrigues venceu as duas provas

Cadete – Guilherme Oliva e Pedro Braga

F400 Graduado – Matheus Santanna e Eduardo Kozlowski

F400 Sênior – Cesar Bastos e Fábio Padareco

Sprinter – Alexandre Mattea venceu as duas provas

Sênior – Fernandes Onassis e Cristiano Matheis.

GUILHERME SPINELLI COLOCA O BRASIL NA HISTÓRIA DOS X GAMES PILOTANDO UM MITSUBISHI EVO XTR DA X TEAM MITSUBISHI RACING


O piloto Guilherme Spinelli conseguiu um feito incrível e entra para a história ao ser o primeiro brasileiro a disputar as finais do rallycross dos X Games, considerada a olimpíada dos esportes radicais. 

O feito aconteceu, hoje, em Munique, na Alemanha, onde foi disputada a terceira etapa da categoria, que fica marcado na história do automobilismo brasileiro. 

"Foi uma experiência muito emocionante", garante Spinelli. "Estou realmente muito feliz com esse resultado e já vicei nessa categoria", completa.

Na etapa classificatória, Guiga ficou na quarta colocação e foi para a repescagem lutar por uma vaga na final. 

"Foram várias batidas na minha frente e consegui ir me livrando de todas e ganhando posições. Não esperava ir para a final. Quando vi, estava ao lado dos melhores pilotos do mundo. Foi muito legal", comemora.

A bordo do Lancer Evo XTR da X Team Mitsubishi Racing, Guiga fez sua estreia no rallycross no último sábado, quando foi realizada a etapa em substituição à prova de Barcelona, cancelada por conta das chuvas. Foi o primeiro contato que o piloto brasileiro teve com esse carro de quase 500 cv.

E hoje, mais habituado com o traçado e com a potência do Lancer Evo XTR, Guiga estava mais confiante e conseguiu um resultado extraordinário ao terminar a prova entre os sete melhores.

"A X Team Mitsubishi Racing é uma equipe nova e o carro ainda tem muito potencial para evoluir. Temos tudo para sermos competitivos. Espero, em breve, ter essa oportunidade novamente. Foi realmente espetacular", garante o piloto, que alterna a pilotagem das etapas com Nelsinho Piquet, que fez sua estreia na categoria na etapa de Foz do Iguaçu.

Em menos de um mês, Guiga Spinelli já tem outro desafio nas pistas. Ele parte para o Rally dos Sertões, maior prova do off-road do Brasil onde ele é o maior vencedor, com quatro vitórias.

O X Team Mitsubishi Racing tem o apoio de Petrobras e os patrocínios de Mitsubishi, SKY e Outback.

Vídeo
Veja como foi o primeiro dia de Guiga Spinelli com o Lancer Evo XTR
https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=VXVEPd1OrBE


FICHA TÉCNICA - PETROBRAS MITSUBISHI EVO XTR
Motor: 2.0L MIVEC Turbo (Garrett TR30R)
Potência: aproximadamente 475 cavalos
Câmbio: sequencial, seis marchas
Tração: integral
Suspensão: Exe-tc
Rodas: Enkei Nt03+M
Pneus: Cooper RallyCross
Freios, pinças e rotores: AP Racing
Capô e asa traseira: fibra de carbono
Portas, parachoques, carroceria traseira e paralamas: material composto
Painel: fibra de carbono
Banco, cinto, extintor e santantonio: de acordo com as especificações da FIA

Calendário do Global RallyCross em 2013

3ª etapa - 27 a 30 de junho - Munique (Alemanha)
4ª etapa - 10 a 13 de julho - New Hampshire (Estados Unidos)
5ª etapa - 17 a 20 de julho - Bristol (Estados Unidos)
6ª etapa - 31 de julho a 3 de agosto - Los Angeles (Estados Unidos)
7ª etapa - 7 a 10 de agosto - Atlanta (Estados Unidos)
8ª etapa - 19 a 22 de setembro - Charlotte (Estados Unidos)
9ª etapa - data a definir - Las Vegas (Estados Unidos)

GAMES
Criados em 1995, nos Estados Unidos, com o nome The Extreme Games, os X Games são considerados a Olimpíada dos esportes radicais. 

O evento é reconhecido no mundo todo como referência em esportes de ação. A partir de 2013, os X Games passam a ter seis eventos ao redor do mundo, com Foz do Iguaçu se juntando a Aspen (EUA), Tignes (FRA), Barcelona (ESP), Munique (ALE) e a cidade-sede Los Angeles (EUA). 

No Brasil, os melhores atletas das modalidades Moto X, Global RallyCross, Skate e BMX disputarão medalhas de ouro, prata, bronze e prêmios em dinheiro em 15 competições. 

No GRC, categoria do X Team Mitsubishi Racing, 16 pilotos correm em uma pista que se alterna entre asfalto e terra. 

Na briga pelo ouro, são classificados dez pilotos para a fase final. Eles disputam uma corrida de seis voltas, na qual vence quem ultrapassar primeiro a linha de chegada.

MITSUBISHI
A Mitsubishi Motors do Brasil, presente no País, há 23 anos, é a única operação industrial de veículos Mitsubishi no mundo que não pertence à marca japonesa. 

Com uma fábrica instalada em Catalão (GO), a MMCB conta hoje com mais de 180 concessionárias, que levam veículos de última geração e todo o espírito inovador da marca para os vários cantos do território nacional. 

No segmento esportivo, organiza os ralis Mitsubishi Motorsports, Mitsubishi Outdoor e Mitsubishi Cup, além da competição de pista Mitsubishi Lancer Cup, e apoia atletas de ponta, como a dupla da Equipe Mitsubishi Petrobras, Guiga Spinelli e Youssef Haddad, o velejador Beto Pandiani, o surfista Carlos Burle, o multiesportista Luis Roberto Formiga, o alpinista Rodrigo Raineri, o paraquedista Luigi Cani e o piloto Ulysses Bertholdo.

PETROBRAS
A primeira vez que a Petrobras exibiu sua logomarca em uma competição esportiva foi em 1956, na corrida de estreia das Mil Milhas Brasileiras de automobilismo. 

Atualmente, os patrocínios da estatal a competições automobilísticas estão alinhados ao Programa Petrobras Esporte Motor, que tem como principal objetivo apoiar o automobilismo/motociclismo por meio da cooperação tecnológica e/ou patrocínios a eventos incluindo fornecimento de combustíveis e/ou lubrificantes, utilizando as competições como campos de pesquisas e desenvolvimento dos nossos produtos permitindo que os mesmos sejam testados e aprovados por quem os utiliza sob as condições mais rigorosas. 

Entre as categorias em que a Petrobras está presente podem ser citadas a Copa Petrobras de Marcas (Turismo), a Fórmula Truck (Caminhões), a Equipe Mitsubishi Petrobras (Rali), a Moto 1000 GP, a Seletiva de Kart Petrobras (Kart) e a Baja SAE Brasil-Petrobras.


ESTÃO ABERTAS ATÉ O FINAL DE AGOSTO AS INSCRIÇÕES PARA O PROGRAM DE TRAINEES VOLKWAGEN 2014. OS CANDIDATOS DEVEM INSCREVER-SE PELO SITE DA MARCA: www.vw.com.br/pt/institucional/RecursosHumanos/Programa_de_Trainee.html. O CURSO DURA 18 MESES E COMEÇA DIA 13 DE JANEIRO, DO PRÓXIMO ANO.

Volkswagen oferece carreira na empresa. Candidatos devem ter dois anos de formados e inglês ou alemão fluente.

Para participar do Programa de Trainees Volkswagen 2014, os interessados devem realizar as inscrições no site da empresa até o final de agosto de 2013: 


www.vw.com.br/pt/institucional/RecursosHumanos/Programa_de_Trainee.html
Em sua quarta edição, o programa oferece 20 vagas, nas diversas áreas da empresa, como Planejamento do Produto, Desenvolvimento do Produto, Operações (Manufatura), Qualidade Assegurada, Compras, Finanças, Recursos Humanos e Vendas & Marketing.
Com o slogan “Se você tem paixão por carros, aqui é seu lugar.”, o Programa de Trainee tem um plano estruturado de desenvolvimento com mais de 150 horas de treinamento, atividades específicas e “job rotation” em várias áreas. 

“A Volkswagen oferece ao trainee a possibilidade de desenvolver uma carreira sustentável dentro da empresa, atuando em outras áreas e criando oportunidades que correspondam às suas expectativas profissionais”, destaca o gerente executivo de Educação Corporativa da Volkswagen do Brasil, Raimundo Ramos.

O Programa de Trainee da Volkswagen tem duração de 18 meses com início marcado para 13 de janeiro de 2014. 

As vagas estão distribuídas entre as unidades de São Bernardo do Campo (SP), Taubaté (SP), São Carlos (SP), Vinhedo (SP) e São José dos Pinhais (PR).

Para concorrer, o candidato precisa ter, no máximo, dois anos de formado, inglês fluente e o idioma alemão é um diferencial importante, bem como experiência profissional.

Seleção dos candidatos
A Volkswagen fez uma parceria com a Across Consultoria para realização do processo seletivo dos trainees, que ocorrerá em três fases:
1. Provas online, acontecem nos meses de julho a agosto e inclui testes de idioma (inglês ou alemão), raciocínio lógico e conhecimentos específicos.

2. Dinâmicas em grupo, entrevistas de competência para os aprovados nessa fase e avaliações orais de inglês e alemão, quando declarado.

3. A etapa seguinte, em outubro e novembro, contará com painel de negócios, testes de informática e entrevistas finais com os gestores.

Em dezembro, os 20 candidatos aprovados farão uma visita à fábrica da Volkswagen em São Bernardo do Campo e participarão de um test-drive com veículos da marca, para conhecerem melhor os produtos da marca.
Durante o programa, os trainees são avaliados semestralmente. Além disso, recebem diversos benefícios, entre eles remuneração competitiva, participação nos resultados, desconto na compra de veículos da marca, previdência privada, assistências médica e hospitalar, refeição no local e transporte fretado subsidiados.

O NÚMERO DE VEÍCULOS ELÉTRICOS CIRCULANDO PELAS ESTRADAS E CIDADES NO MUNDO É DE FATO CADA VEZ MAIOR.E A ATENÇÃO DAS FÁBRICAS PARA ESSES VEÍCULOS É TAMBÉM CADA DIA MAIOR. NOS PRÓXIMOS DIAS 2 E 3 DE JULHO, SERÁ APRESENTADO NA FEIRA EXPOEFICIÊNCIA ENERGÉTICA, EM SÃO PAULO, O QUE HÁ DE MAIS MODERNO NO SETOR




A Mes Eventos vai mostrar que os veículos elétricos já são uma realidade no mundo atual, nos dias 2 e 3 de julho, na ExpoEficiência Energética, feira de equipamentos, tecnologias, produtos e serviços voltados à eficiência energética nas empresas. 

O evento acontecerá no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo.
Três milhões de veículos leves elétricos deverão circular pelo mundo em 2020. 

Em 2025, serão 10 milhões e, e em 2030, esse número deve chegar a 19 milhões de unidades, de acordo com um estudo da Associação Brasileira de Veículos Elétricos (ABVE).


No Brasil, a tendência é que a quantidade também cresça se considerarmos que para ter direito aos descontos no IPI previstos pela politica automotiva, as montadoras terão de melhorar em, no mínimo, 12% a eficiência energética de seus veículos até 2017. 

Na Assembleia Legislativa do Paraná tramita um projeto que prevê a isenção de ICMS dos veículos de passageiros que contenham motores a combustão e elétricos.

Diante desse cenário de possibilidades, a troca de informações tecnológicas, o esclarecimentos de mitos e fatos em torno da questão do fornecimento, duração e abastecimento de energia, além da performance de tais veículos se torna urgente, tanto para o benefício ambiental, quanto para que esse tipo de tecnologia seja cada vez mais acessível à população.


A Mes Eventos, que este ano realiza a 9ª edição do Salão Latino Americano de Veículos Elétricos, Componentes e Novas Tecnologias (entre 10 e 12 de setembro, no Expo Center Norte, em São Paulo), vai levar à ExpoEficiência Energética uma prévia do que há de mais moderno em veículos elétricos, carros, motos, scooters, bicicletas, patinetes, entre outros.

Para Ricardo Guggisberg, diretor da Mes Eventos, os veículos elétricos deixam de ser protótipos e passam a ser uma realidade. 

“É importante que a população conheça as novas tecnologias que contribuem para a melhoria do cotidiano”, afirma. 

Guggisberg acredita que só com a popularização da mobilidade elétrica é que haverá um aumento na demanda desse tipo de veículo no mercado. “Dessa forma, teremos esta tecnologia cada vez mais acessível”, completa o executivo.




KSPG, FABRICANTE DE ELEMENTOS DE MOTOR REALIZA TREINAMENTO PARA TÉCNICOS DA AMÉRICA LATINA, NA SUA FÁBRICA EM SÃO PAIULO


Em sua planta de Nova Odessa, interior de São Paulo, a KSPG Automotive Brazil - fabricante de pistões, camisas, bronzinas, bielas, anéis, válvulas, filtros e bombas de óleo e água – irá inaugurar neste mês de junho, um Centro de Treinamento Técnico visando atender mecânicos e aplicadores de todo o Brasil e de outros países da América Latina.

Este centro de treinamento será dentro da própria empresa com espaço dividido para aulas teóricas e práticas. O curso abordará principalmente montagem e desmontagem de motores de ciclo Otto e diesel (recondicionamento).

O curso será realizado em quatro dias, totalizando 32 horas de treinamento, sendo dividido em 30% de aulas teóricas e 70% de aulas práticas. Cada turma contará em média com 10 profissionais – inclusive já estão inscritas turmas do Peru e Equador.

sábado, 29 de junho de 2013

A MAIORIA DOS MOTORISTAS CONSIDERA UM LUXO OU ATÉ MESMO DESNECESSÁRIO FAZER UM CURSO DE DIREÇÃO DEFENSIVA/EVASIVA, MAS COM CERTEZA, ABSOLUTA, O NÚMERO DE ACIDENTES SERIA MUITO MENOR SE MAIS CONDUTORES PASSASSEM POR ESSA PREPARAÇÃO, OU AS ESCOLAS DE CONDUÇÃO FORMASSEM MELHOR OS NOVOS MOTORISTAS. O CENTRO DE TREINAMENTO DE PILOTOS SUZANE CARVALHO COMEMORA 10 ANOS ENSINANDO MOTORISTAS A DIRIGIR MELHOR E LANÇANDO NOVOS PILOTOS DE CORRIDA. ASSISTA O VÍDEO.

Dirigido pela única mulher no mundo a conquistar um título na Fórmula 3, o Centro de Treinamento de Pilotos Suzane Carvalho completa, este mês de junho, 10 anos ensinando a milhares de motoristas profissionais e amadores e motociclistas técnicas de direção tão importantes para o dia-a-dia na condução de seus veículos e preparando centenas de novos pilotos para o esporte motor.
Assista o vídeo:

Suzane Carvalho ressalta que esse trabalho foi ampliado graças ao apoio da Honda que proporcionou a diminuição dos preços dos cursos de direção defensiva e evasiva e de pilotagem em carros de Fórmula, Turismo e Kart.


“O apoio da Honda, neste último ano, nos permitiu reduzir os valores dos cursos de Direção Preventiva/Defensiva/Evasiva e aumentar o número de motoristas atendidos", comentou


Suzane revelou que temos muito o que comemorar: "Primeiro, por formar tantos bons motoristas conscientes para as ruas, tanto de carros quanto de motocicletas; segundo por formar pilotos competitivos e campeões para as pistas; e terceiro porque, sobreviver 10 anos em um País onde não há apoio ao esporte motor, só mesmo sendo muito persistente. E o apoio da Honda foi fundamental para nossa sobrevivência”.


De acordo com Douglas Carvalho, diretor Executivo do Centro, que há três anos trabalha com Suzane, quem procura os cursos de Direção Defensiva/Evasiva são profissionais de segurança, de empresas que possuem frotas e até o motorista comum que acabou de tirar a carteira. "Esse trabalho é muito importante para ajudar a diminuir o índice de acidentes no País”, sentencia.


Suzane revelou que decidiu marcar o aniversário de 10 anos da escola concedendo descontos expressivos que chegam a 70% do valor do Curso de Direção Defensiva/Evasiva. "Alguns parceiros desta caminhada entraram na festa e com isso o CTPSC está sorteando, através de sua Fanpage, no Facebook, mais de 150 prêmios que vão desde brindes da Honda, produtos da Mahogany Cosméticos, Volta Rápida em um Drift Car de 465 cavalos e até um par de luvas do piloto de Fórmula Indy, campeão da última "500 Milhas de Indianápolis", Tony Kanaan", comemora. 

Para se habilitar aos brindes cuja lista completa está abaixo, basta acessar o link:

1 - 20 (vinte) contemplados com Kits de brindes da Honda contendo um boné, uma camiseta e uma toalha de rosto alusiva ao projeto Beach Clean.

2 - 30 (trinta) contemplados com frascos de 800 ml com sabonete líquido da Mahogany Cosméticos.

3 - 5 (cinco) contemplados com uma Volta Rápida em um Drift Car com o piloto Juba, em um Nissan Silvia S14 com motor Toyota 1JZ de 462 cavalos, em uma pista do interior de São Paulo (data a ser divulgada, em agosto).

4 – 10 (dez) contemplados com uma bateria com Kart de 13 hp do Kartódromo Internacional da Granja Viana, em São Paulo.

5 – 05 (cinco) contemplados com um par de vouchers para pai e filho, para uma bateria no Kart Indoor do Kartódromo Internacional da Granja Viana.

6 - 10 (dez) contemplados com um vale para participar de uma bateria de Kart no Point Kart do Rio de Janeiro, competindo com a Suzane Carvalho.

7 – 12 (doze) contemplados com uma bateria no mais novo superautorama do Point Kart, do Extra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

8 – 10 (dez) comtemplados com Kits de repositores de eletrólitos e vitaminas essenciais para atletas, da SUUM.

9 – 10 (dez) contemplados com uma camiseta do Centro de Treinamento de Pilotos Suzane Carvalho.

10 – 10 (dez) contemplados com o livro “Curso de Pilotagem de Kart – Pilotando e Acertando um Kart” de autoria de Suzane Carvalho.

11 – 1 (um) contemplado com um par de luvas do piloto vencedor das 500 Milhas de Indianápolis 2013 e Campeão da Fórmula Indy em 2004, Tony Kanaan.


Mais informações no site: www.CentroDePilotos.com.br.

A Escola de Pilotagem da Suzane Carvalho fica na Av. Ayrton Senna, 3010 - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.
Telefone:(21) 8128-9989
O horário de funcionamento é de segunda a domingo das 7 h às 18 h.



RIO DE JANEIRO E BARUERI VÃO RECEBER ETANOL DIRETAMENTE DA REFINARIA DE PAULÍNEA, ATRAVÉS DE UM DUTO, ATÉ O TERMINAL TERRESTRE DE RIBEIRÃO PRETO PARA VENDA EM POSTOS DE COMBUSTÍVEIS, ESSA AÇÃO FAZ PARTE DO PAC QUE PREVÊ INVESTIMENTOS DE R$ 7 BILHÕES PARA CONSTRUÇÃO DE MODAIS DUTOVIÁRIOS E HIDROVIÁRIOS BENEFICIANDO DIVERSOS ESTADOS.


A Petrobras já fez a primeira transferência de etanol hidratado das instalações da Logum Logística S.A., por um duto 24 polegadas de diâmetro e 206 km de extensão, operado pela Transpetro, que interliga o Terminal Terrestre de Ribeirão Preto à Refinaria de Paulínia (Replan).

O duto iniciará a operação comercial, em julho, e permitirá a venda do etanol hidratado em Paulínia e a sua transferência, através de outros dutos, para Barueri e o Rio de Janeiro.

A Petrobras é acionista da Logum, empresa constituída com o objetivo de implantar a infraestrutura necessária para o transporte de etanol - das regiões produtoras para o mercado consumidor brasileiro.
A Petrobras está comprometida com a instalação de uma rede de infraestrutura logística pioneira, com o objetivo de melhorar a competitividade do etanol brasileiro. 

A empresa é acionista da Logum juntamente com os sócios Camargo Corrêa Construções e Participações S.A., Copersucar S.A., Raízen Energia S.A., Odebrecht Transport Participações S.A. e Uniduto Logística S.A.

Esta é a primeira etapa de um empreendimento que integra o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), estimado em R$ 7 bilhões, constituído de modais dutoviário e hidroviário. 

A iniciativa permitirá a coleta de etanol dos centros produtores, principalmente dos estados de Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e São Paulo, e o transporte do combustível até os grandes centros consumidores do Sudeste do País, permitindo inclusive cabotagens e exportações.

sexta-feira, 28 de junho de 2013

A MITSUBISHI TEVE UMA IDEIA EXCELENTE AO CRIAR O MITSUBISHI LANCER CUP, A ÚNICA CORRIDA NO MUNDO DESSE MODELO, QUE ACONTECE NO AUTÓDROMO VELLO CITTÀ, NO INTERIOR PAULISTA. NESTE FIM DE SEMANA SERÁ CUMPRIDA A 4ª ETAPA E A PISTA ESTARÁ ABERTA PARA OS DONOS DE LANCER EVOLUTION PODEREM TESTAR SEUS CARROS.


Velocidade, adrenalina e disputas muito equilibradas na pista. Esta é a Mitsubishi Lancer Cup, competição exclusiva de Lancer Evo R que chega à quarta etapa com muita emoção a cada curva.

"É muito bom ver a evolução dos pilotos a cada prova. Já passamos da metade do campeonato e as disputas serão cada vez mais emocionantes daqui pra frente, já que todos os carros são iguais", destaca Corinna de Souza Ramos, diretora de projetos especiais, da Mitsubishi Motors.


Na Lancer Cup, os pilotos estão a bordo do Lancer Evo R, desenvolvido no Brasil especialmente para a competição e derivado do carro quatro vezes campeão do World Rally Championship (WRC) e onze vezes campeão do Production Car WRC (P-WRC). 

Todos os carros são idênticos e a pilotagem faz toda a diferença para um bom resultado, o que torna as corridas ainda mais emocionantes.

"A categoria é muito boa e o carro super divertido. Quando estamos na pista, a adrenalina sobe e tira o estresse. É um privilégio poder participar", empolga-se o piloto Elias Jr., que venceu na última etapa e está na vice-liderança da classificação geral, atrás apenas de Bruno Mesquita.

Na sexta-feira, dia 5, os pilotos terão duas sessões de treinos livres. No sábado (6), será realizado o treino classificatório e duas provas distintas, ambas contando pontos para o campeonato.

"Sinto que minha pilotagem tem melhorado a cada prova. Como eu guiava na primeira etapa, não é como estou guiando agora. Mas tem alguns pontos que ainda vou corrigir", comenta Carlos Faletti, que lidera o campeonato na categoria Premium.


Lancer Evo Day
Junto com a Lancer Cup, a Mitsubishi Motors promove no sábado (6), o Lancer Evo Day, um track Day destinado exclusivamente a proprietários de Lancer Evolution. 

Na pista do autódromo Velo Città, os participantes podem testar seu próprio veículo e desfrutar de toda a tecnologia, potência, performance e esportividade em três baterias, além de acompanharem bem de perto as disputas da Lancer Cup.

"É um privilégio, pois essa oportunidade que temos aqui é única. Tanto minha esposa Patricia, como eu, temos o Lancer Evolution, e ir para o Velo Città acelerar o carro na pista, é algo único. A gente também passeia e trazemos amigos e parentes. Nos divertimos muito durante todo o fim de semana", conta o programador Rafael Del Rey, que veio de Volta Redonda (RJ) e participou da última edição do Evo Day.

Para mais informações e inscrições: lancerevoday@mmcb.com.br.


Lancer Cup - Sit&Drive
Seguindo o formato de sucesso utilizado nas categorias L200 Triton da Mitsubishi Cup, a Mitsubishi Lancer Cup conta com o formato sit&drive

Nele, os veículos da competição são alugados para os pilotos, possuem mecânica e preparação idênticas e, durante a temporada, toda manutenção e apoio necessários são feitos pela equipe de mecânicos e engenheiros da marca dos três diamantes.

Para mais informações e como participar da Mitsubishi Lancer Cup, acesse o site: www.lancercup.com.br ou envie um e-mail para: renatoperotti@mmcb.com.br.

Mitsubishi Drive Club
O Mitsubishi Drive Club é o complexo automobilístico lançado, em 2012, pela Mitsubishi Motors, em Mogi Guaçu (SP). 

O local abriga o exclusivo Autódromo Velo Città, o Mitsubishi Racing Center e uma pista off-road

Desta forma, os amantes do automobilismo têm ao alcance um local completo e de última geração, que engloba todos os tipos de modalidades, on e off-road, sendo o único no Brasil com essas características.


Mitsubishi Racing Center
Localizado dentro do complexo do Mitsubishi Drive Club, o Mitsubishi Racing Center é uma ampla área de convivência para pilotos e convidados. 

Com uma completa infraestrutura, o local conta com uma sala para realização de briefing, espaço para almoço e premiações, lounge para descanso dos pilotos, além de vestiários e loja com produtos de competição.

Autódromo Velo Città
O autódromo Velo Città, da Mitsubishi, está localizado em Mogi Guaçu, no interior de São Paulo. Construído dentro dos padrões exigidos pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo) e homologado pela CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo), o local pode receber todos os tipos de competições oficiais.

Com 3.430 metros, cercado por matas preservadas e lagos, o traçado da pista conta com duas retas, sendo uma em descida seguida de uma curva em S e outra, mais longa, com quase 800 m de extensão, que termina em uma curva travada para a esquerda. 

Considerada uma pista muito técnica, possui ainda 14 curvas em sentido anti-horário, tanto travadas quanto rápidas.

Clique aqui e veja o vídeo de apresentação da Mitsubishi Lancer Cup.

A Mitsubishi Lancer Cup tem patrocínio de Castrol, Pirelli, BTG Pactual e Armura. Mais informações no site: www.mitsubishimotors.com.br
no Facebook Mundo Mit:(www.facebook.com/Mundomit) e 
no Facebook do autódromo Velo Città: (www.facebook.com/AutodromoVeloCitta).

Calendário 2013 - Mitsubishi Lancer Cup*
4ª Etapa - 06 de julho
5ª Etapa - 07 de setembro
6ª Etapa - 05 de outubro

* Calendário sujeito a alterações.


FORD JÁ PRODUZ O CAMINHÃO CARGO EXTRAPESADO EM SÃO BERNARDO DO CAMPO. É COM OS MODELOS CARGO 2042 E CARGO 2842 QUE A MARCA ENTRARÁ NO MERCADO DESSE SEGMENTO, A PARTIR DE AGOSTO.


A Ford apresentou a nova linha de caminhões Cargo para o segmento de veículos extrapesados, inaugurando a sua entrada nesta faixa de mercado no Brasil. 

As duas primeiras unidades do tipo cavalo-mecânico, formadas pelos modelos Cargo 2042 e Cargo 2842, deixaram a linha de montagem da fábrica de caminhões da Ford em São Bernardo do Campo, SP.

Além da apresentação inicial da nova linha, a Ford anunciou o relançamento dos caminhões F-350 e F-4000, no segmento de semileves e leves, respectivamente, previsto para 2014. Estes dois veículos comerciais são considerados ícones do seu segmento.


A solenidade de apresentação dos novos Cargo foi realizada na presença de diretores da empresa, líderes sindicais e trabalhadores da Operação de Caminhões da Ford. Os novos Cargo Extrapesados chegam ao mercado no início de agosto.

Caminhão global
Com capacidade para 56 toneladas, a linha de extrapesados Ford é formada por dois modelos: o Cargo 2042 com tração 4x2 e o Cargo 2842 com tração 6x2. 

São modelos totalmente novos de classe global que já circulam na Europa desde o primeiro trimestre deste ano. 

Ambos são equipados com motor de 420 cv e projetados para oferecer alto desempenho, excepcional dirigibilidade, robustez e economia.

Destinados principalmente ao setor de transporte de carga de longa distância, o Cargo 2042 e o Cargo 2842 foram desenvolvidos em conjunto pelos times de design e engenharia da Ford do Brasil e da Turquia.

Os novos Cargo extrapesados seguem a estratégia de plataforma global, somando a experiência de mais de 50 anos da Ford produzindo caminhões no Brasil com os recursos de engenharia mais avançados utilizados pela marca hoje no mundo.

F-350 e F-4000
Tradição também foi a base para o retorno da Série F. O caminhão semileve F-350 e o leve F-4000 foram líderes de vendas nos respectivos segmentos, em 2012. 

Para o relançamento dos modelos, a área de engenharia da Ford vem desenvolvendo a aplicação da nova motorização dentro das normas de emissões Euro 5.

"A Série F é a linha de veículos comerciais mais vendida do mundo e uma das mais tradicionais do Brasil. São modelos com características apropriadas de cabine, robustez, confiabilidade e desempenho", disse Rogelio Golfarb, vice-presidente de Assuntos Corporativos da Ford América do Sul.

Investimentos
Os investimentos na fábrica de caminhões da Ford têm sido significativos nos últimos anos. Hoje, ela conta com cerca de 700 empregados e tem uma produção diária acima de 150 veículos.

"A Ford vem investindo R$ 670 milhões no setor de caminhões desde 2009. Os novos extrapesados fazem parte de uma estratégia que inclui o lançamento de 15 modelos, além dos caminhões da Série F", disse Steven Armstrong, presidente da Ford Brasil.

Rafael Marques, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, também destacou a importância dos investimentos da Ford no ABC paulista para a geração de empregos e a produção de veículos competitivos, com tecnologia avançada. "A consolidação das relações trabalhistas é um exemplo para garantir novos investimentos no País", disse.

A operação de veículos comerciais é estratégica para a Ford América do Sul. A marca está entre as três líderes de vendas de caminhões na região. Em 2012, teve uma participação de 21,1% no Brasil, considerando os segmentos de até 46 toneladas nos quais a marca até então estava presente.


ATENÇÃO FÃS DO KART: VOLTA REDONDA, NO INTERIOR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, RECEBERÁ NESTE FIM DE SEMANA O ESTADUAL DE KART 2 TEMPOS.


No fim de semana, o kartódromo de Volta Redonda segue como palco do Estadual de Kart 2 tempos. 

Será a segunda das seis rodadas duplas da competição que abriga as categorias: Sprinter e Sênior. Também integra a programação a quarta etapa do Estadual de 4 Tempos que tem outras quatro categorias: Cadete, F400, F4 e Super Sport.

As categorias do campeonato de 2 Tempos competem com motores sorteados da Italsistem, representada no Brasil pelo piloto Sérgio Jimenez, hexacampeão brasileiro da modalidade. 

Na competição de 4 tempos, Cadete, Super Sport e F4 têm sorteados os propulsores fornecidos pela TK Motores. Os pilotos da F400 correm com motores próprios.

O campeonato também classifica os representantes do Rio de Janeiro para a Copa das Federações de Kart que será disputada no fim do ano. Todas as corridas serão no domingo. A primeira delas, da Cadete, começa às 9h45. As demais acontecem na sequência. Veja a programação completa:


Domingo - 30/06CategoriasBriefingAbastec.Tomada de Tempo1ª provaAbastec.2ª provaPremiação
Cadete08:0008:15 / 08:3008:35 / 08:4009:4511:15 / 11:3011:4513:00
F40008:1508:30 / 08:4508:50 / 08:5510:1511:45 / 12:0012:1514:30
Sprinter08:1508:45 / 09:0009:05 / 09:1010:4512:15 / 12:3012:4514:30
Sênior08:1509:00 / 09:1509:20 / 09:2511:1512:45 / 13:0013:1514:30
Super Sport13:4514:00 / 14:1514:20 / 14:2515:0015:50 / 16:0516:1017:30
F4 13:4514:15 / 14:3014:35 / 14:4015:3016:20 / 16:3516:4017:30



RENAULT ULTRAPASSA 2 MILHÕES DE FÃS NO FACEBOOK


Renault do Brasil

Renault do Brasil
2.148.644 curtiram · 79.979 falando sobre isso


A página oficial da Renault do Brasil no Facebook ultrapassou dois milhões de fãs, se destacando como a maior fã page da montadora em todo o mundo.

O Facebook hoje é uma das mais importantes ferramentas de relacionamento entre empresas e consumidores, e a Renault do Brasil acredita que pode cada vez mais fazer parte da vida dos brasileiros, se aproximando dos clientes das mais variadas formas possíveis.

Dentre as montadoras brasileiras que marcam presença no Facebook, a Renault é a segunda mais amada pelos pelos apaixonados por carro que navegam pela rede.

A página da Renault na rede social se destaca pela prestação única de serviços, onde oferece uma ferrementa para localizar concessionárias e uma plataforma exclusiva de atendimento aos clientes do Facebook, chamada SAC 2.0.

CONCURSOS CULTURAIS
Para estimular e engajar os fãs que acompanham a montadora na web, a Renault tem desenvolvido cada vez mais concursos culturais, especialmente em 2013, quando a empresa promoveu o Festival de Curitiba, onde foram distribuídos ingressos.

Também aconteceu o TUF 2, onde houve um jogo on-line onde o vencedor ganharia entradas para assistir à luta.

Já a Fábrica dos Sonhos foi um concurso, onde os vencedores ganharam o um passeio pela Fábrica da Renault, em São José dos Pinhais, no Paraná.

RENAULT NA INTERNET
Além da página oficial da montadora, também há outras páginas desenvolvidas pela Renault no Facebook, como o Mãe na Direção, projeto desenvolvido especialmente para as Mães, com foco na vida a bordo e que já conta com mais de 120 mil fãs e a recém lançada Renault Utilitários, que fala diretamente com empresas e profissionais liberais.

PELO SEGUNDO ANO, A MITSUBISHI PARTICIPA DA ESCALADA DO PIKES PEAK, AGORA COM UM MITSUBISHI IMIEV, 100% ELÉTRICO QUE, NESTE DOMINGO (30/6), ENFRENTARÁ 19 KM DE SUBIDA ÍNGREME COM 156 CURVAS


Na próxima semana, a tradicional competição de Pikes Peak terá um "silêncio" inovador. O ronco dos motores e a poluição dos combustíveis serão substituídos pela mais alta tecnologia elétrica do Mitsubishi iMiEV, que encara a prova pelo segundo ano consecutivo.



Silencioso, mas muito potente, esse protótipo, baseado na versão de rua, é equipado com quatro motores elétricos de 100 kW cada, o que equivale a uma potência total de 544 CV. 


Serão dois iMiEV Evolution II correndo este ano em Pikes Peak, com os pilotos Hiroshi Masuoka e Greg Tracy.

O Pikes Peak é realizado anualmente no Colorado, Estados Unidos, e tem um grande desafio para os pilotos, já que a prova é realizada nas estradas da montanha com uma série de ziguezagues e curvas de alta velocidade. 

A largada ocorre a 2.862 metros de altitude e a chegada é com 4.300m, em um percurso com pouco mais de 19 quilômetros e 156 curvas. A prova deste ano será realizada no dia 30 de junho.

O Mitsubishi iMiEV é o primeiro veículo elétrico a ser produzido em grande escala no mundo, desde 2009. 


De lá para cá, mais de 30.000 unidades já foram vendidas em países da Europa, no Japão e Estados Unidos. 

No Brasil, algumas unidades do Mitsubishi iMiEV já circulam por grande capitais, como São Paulo e Rio de Janeiro.


Tecnologia para o presente
Toda a tecnologia e aprendizado adquirida pela equipe de engenheiros e mecânicos no Pikes Peaks é usada no aprimoramento dos carros elétricos e a criação de novas e modernas tecnologias para equipar os veículos Mitsubishi.

Em 2012, em sua primeira participação, a Mitsubishi ficou com a vice colocação na competição. 


Com todo o know-how adquirido, os engenheiros puderam analisar com detalhes diversos dados de velocidade, aceleração em pista, além de consumo da bateria, temperatura, entre outros, que foram fundamentais no aperfeiçoamento do veículo. 

Com isso, e após mais de um ano de preparação e desenvolvimento, surgiu a segunda geração do iMiEV Evolution, com um motor mais potente e novos componentes.

O iMiEV Evolution II é equipado com a tração 4x4 (S-AWC), sinônimo da mais alta tecnologia em todo o mundo. 


O modelo recebeu uma série de melhorias, como as novas baterias de alta capacidade, quatro motores elétricos, que geram 544 CV de potência, controles de tração e estabilidade (AYC e ASC), que não deixam o veículo sair da trajetória correta, além dos freios com ABS. 

Tudo isso agregado a uma estrutura leve e aerodinâmica, que possibilita uma melhor performance nas 156 curvas da montanha.

Pilotos
Com a experiência adquirida em 2012, o piloto japonês Hiroshi Masuoka, duas vezes campeão do Rally Dakar e vencedor de diversas provas automobilísticas ao redor do mundo, encara novamente esse desafio. 


O piloto, que veio ao Brasil no fim do ano passado para conhecer os ralis que a Mitsubishi realiza no país, trabalha no desenvolvimento de veículos e na formação de novos pilotos.

"Graças ao know-how adquirido em 2012, fomos capazes de melhorar ainda mais o iMiev Evolution. 


Agora com o Greg Tracy no time e sua vasta experiência no automobilismo, faremos o nosso melhor", destaca Masuoka.

Outro destaque é o piloto norte-americano Greg Tracy, seis vezes campeão de Pikes Peak nas motos. 

Atuando como piloto dublê em filmes, ele acumula vasta experiência também nas quatro rodas e conhece como ninguém as curvas do Colorado. 

"Estou muito animado em competir com o iMiEV. Vou fazer o meu melhor para tornar este veículo elétrico campeão pela primeira vez", garante ele.


Ficha técnica - iMiEV Evolution II
Dimensões: 4870 x 1900 x 1390mm
Ocupantes: 1
Tração: 4x4 integral
Motores: 4 (dois na frente e dois atrás)
Potência máxima: 400 kW (100 kW x4) - 544CV
Capacidade máxima da bateria: 50 kWh
Chassi: estrutura tubular
Fibra de carbono
Pneus: 260/660-18

RALLYE INTERNACIONAL MIL MILHAS BRASILEIRAS PASSA NO CANAL FECHADO FOX, NO SÁBADO ÀS 5 DA TARDE E NO DOMINGO, ÀS 11HORAS


Já estão definidos os horários do programa especial sobre a 3ª edição do Rallye Internacional Mil Milhas Brasileiras no Fox Sports. 

Os cinco dias com quase 50 carros fabricados entre 1950 e 1980, percorrendo 1.602 quilômetros entre os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais serão mostrados neste sábado (29/6), às 17 horas, e no domingo (30/6), às 11 horas.

O canal Fox Sports pode ser sintonizado na NET canal 97/ 554 em HD, na Sky canal 27/227 em HD, na Claro TV 50/550 em HD, na Oi TV canal 113, na GVT canal 53 e na Vivo TV canal 50/ 350 em HD.

quinta-feira, 27 de junho de 2013

NOSSO COLUNISTA FERNANDO CALMON FAZ UM RETRATO DO SALÃO DO AUTOMÓVEL DE BUENOS AIRES QUE TERMINA NESTE FIM DE SEMANA. ANUNCIA A CONSTRUÇÃO DE UMA SEGUNDA FÁBRICA DA HONDA QUE PRODUZIRÁ UM SUV E UM HATCH E COMEÇO DA VENDA DO MITSUBISHI ASX NACIONAL, POR R$ 83.490,00, E MUITAS OUTRAS NOVIDADES



Alta Roda 


Nº 739 — 25/06/13
Fernando Calmon 


ARGENTINOS AINDA INQUIETOS
Salão do Automóvel de Buenos Aires, que se encerra dia 30, é boa oportunidade de repassar o longo processo de integração das indústrias automobilísticas dos dois países.

Na verdade o livre comércio vem sendo sucessivamente adiado. Último acordo previa 1º de julho deste ano para deixar as fronteiras completamente livres, mas se dá como certo novo adiamento pelo menos até o final de 2014.

Dependência da produção argentina do mercado brasileiro é enorme: 90% de suas exportações vêm para cá. 

Também se deve considerar que, hoje, 70% das exportações de veículos brasileiros destinam-se à Argentina. 

O balanço em valores está equilibrado, pois enquanto o País envia modelos compactos, traz veículos médios. 

Contra os argentinos pesam autopeças e componentes: não há escala de produção. No final, carros brasileiros representam pouco menos de 50% do mercado argentino, enquanto os automóveis vizinhos, apenas 10% do nosso.

Este ano as vendas na Argentina crescerão pelo menos 10% (Brasil, no máximo 4%) e arranharão as 900.000 unidades. 

Tal crescimento é pouco saudável, pois se baseia na defesa dos compradores contra a inflação anual real perto de 30%, ainda escamoteada pelo governo.

O VI Salão de Buenos Aires, realizado a cada dois anos, mostra oferta mais variada de veículos importados, basicamente pelas mesmas marcas aqui presentes. 

Chineses não têm muita vez por lá. Embora importadores sem produção local tenham que exportar produtos locais para compensar dólares gastos, Argentina tem custo logístico menor pela concentração da frota e impostos inferiores. 

Por isso, nos estandes se veem tantos carros que não chegarão ao Brasil, como Fiat Panda.

Estrearam modelos produzidos lá que, no máximo, em três meses estarão no Brasil: Ford Focus (hatch e sedã) e Citroën C4 Lounge, sucessor do sedã Pallas. 

Renault exibiu o novo Logan superequipado (típico de salão), que sairá de São José dos Pinhais (PR), no último trimestre deste ano. Chevrolet Tracker, SUV compacto produzido no México e pouco maior que o EcoSport, também será importado, dividindo cotas com Sonic e Captiva mexicanos.

Toyota mostrou Etios ao público argentino, mas até o início das vendas em outubro receberá alterações no painel e outras internas providenciadas pela filial brasileira apenas um ano depois do lançamento. 

Nova geração do SUV médio Kuga, que divide arquitetura com o Focus, deve ser produzida na Argentina e exportada para cá, desde que a fábrica consiga divisas para trazer peças da Espanha. 

Se confirmado, Toyota responderá com nacionalização do RAV4, já bem encaminhada.

Entre os importados que logo estarão aqui, destaques para os Nissans Sentra e Altima. Pequenos retoques no Renault Koleos, SUV médio sul-coreano, estrearam em Buenos Aires. Pode vir ao Brasil, se sobrar cotas do Captur (SUV compacto) e Mégane R.S.

Volkswagen apresentou aos argentinos o Golf VII, além do up! e o conceitual Tiguan. No início, até a produção no Paraná, virá para cá o Golf VII GTI importado da Alemanha. Subcompacto up! será diferente do alemão, pois aqui terá interior e porta-malas maiores, além de janelas traseiras que podem ser baixadas e não só basculadas.

RODA VIVA

SEGUNDA fábrica que a Honda construirá no interior de São Paulo já tem dois produtos definidos, baseados na nova arquitetura de compactos desenvolvidos para países emergentes, ou seja, menos sofisticada.

Um deles é o SUV já exibido como carro-conceito no Salão de Detroit e o outro um hatch. Este nada terá a ver com o Brio fabricado na Tailândia e na Índia.

MITSUBISHI iniciou a venda do SUV médio ASX produzido em Catalão (GO). Igual ao importado do Japão, utiliza arquitetura do sedã médio-compacto Lancer, cuja versão nacional chega em um ano. 

Motor já é montado no Brasil e versão flex está nos planos. Câmbio CVT tem seis marchas virtuais. Suspensões bem acertadas, apesar do curso curto. Parte de R$ 83.490.

POUCO mais de dois anos de lançamento no Brasil e JAC reformulou os compactos J3 e J3 Turin, em nível superior ao de tradicional meia-geração. 

Parte frontal mudou bem e a traseira do sedã, idem. Boas mudanças internas, com novos materiais, painel e quadro de instrumentos, este de nítida inspiração alemã. 

Preços iguais: R$ 35.990 e R$ 37.990. Os de produção local, em 2015, serão completamente novos.

CHERY lançou o SUV Tiggo com reformulações internas e externas que podem ajudar na reação de vendas da marca chinesa. Revitalização externa inclui da grade à capa do estepe externo. 

Recebeu capricho no acabamento interno e equipamentos como bússola, altímetro e barômetro. Motor de 2 litros podia ter mais torque. Montado do Uruguai, por R$ 51.990.

DUNLOP, marca inglesa de pneus do grupo japonês Sumitomo, não se acanhou em entrar no mercado brasileiro na faixa de maior concorrência, de início importando. 

Produto a ser feito no Paraná, a partir de outubro, é da linha EC 201 para rodas de aro 13 e 14 pol., nas medidas mais procuradas.

ACESSE TODAS AS POSTAGENS E SAIBA TUDO SOBRE O MUNDO AUTOMOTIVO.