segunda-feira, 31 de agosto de 2020

Coluna Mecânica Online®



COLUNA MECÂNICA ONLINE®

30 | AGOSTO | 2020




Brasil é o menos preparado para veículos autônomos


Todos dizem que a grama boa é do quintal do vizinho, o que muitas vezes nos estimula a ganhar forças para encarar uma nova realidade, que assim seja com o Brasil, pois continuamos sendo o País menos preparado para a adoção de veículos autônomos dentre todos os analisados no "Índice de Prontidão para Veículos Autônomos 2020" (AVRI 2020 ou 2020 Autonomous Vehicles Readiness Index, em inglês) da KPMG. 



A diferença em relação ao ano anterior é que, em 2019, eram 25 os países analisados, com o Brasil em último colocado e agora, em 2020, são 30 os países analisados, com o Brasil continuando a ocupar a última posição.

O índice da KPMG avaliou os países por meio de 28 indicadores para mensurar sua prontidão e progresso na promoção da implementação e inovação dos veículos autônomos. 



Os indicadores estão organizados em quatro critérios de avaliação: política e legislação; tecnologia e inovação; infraestrutura; e aceitação do consumidor. 

No Brasil, as posições foram as seguintes para cada um dos critérios: política e legislação (30º); tecnologia e inovação (30º); infraestrutura (30º); aceitação do consumidor (29º) ficamos na frente da Índia.



"O governo brasileiro está fazendo pouco para incentivar a adoção de veículos autônomos e, apesar do entusiasmo dos consumidores no País por novas tecnologias e serviços, não há ainda políticas públicas de incentivo para esses tipos de veículos. Fomos superados por Hungria, Rússia, Chile, México e Índia. O desempenho brasileiro poderia ser impulsionado por mais pesquisas e programas de incentivos governamentais", afirma Mauricio Endo, sócio-líder de Governo da KPMG no Brasil e na América do Sul.

Os resultados também revelaram que a maioria dos países aumentou sua prontidão para os veículos autônomos, com 17 dos 25 países listados no índice 2019 aumentando suas pontuações em 2020.



A liderança deste ano ficou com Cingapura e Holanda (que mantiveram a primeira e segunda colocação, respectivamente) e Noruega, que se manteve na terceira posição. 

De acordo com o AVRI 2020, os dez países mais preparados para um futuro com meios de transporte autônomos são Cingapura, Holanda, Noruega, Estados Unidos, Finlândia, Suécia, Coreia do Sul, Emirados Árabes Unidos, Reino Unido e Dinamarca.

Cingapura e Holanda são líderes na promoção de veículos elétricos (VEs), precursores essenciais dos veículos autônomos.



Cingapura planeja aumentar massivamente o número de estações de carga de VEs, de 1.600 para 28.000 até 2030, enquanto a Holanda tem o maior número de estações de carga de VEs per capita

A Noruega é líder mundial na adoção de VEs e, além de extensos testes de veículos autônomos, estabeleceu três rotas de ônibus autônomos em Oslo.

Os Estados Unidos se destacam como sede de 420 empresas de veículos autônomos, o que corresponde a 44% de todas as empresas dessa natureza rastreadas no relatório. 

A Coreia do Sul registrou o maior crescimento em relação ao ano anterior e ocupa agora a sétima posição. O país foi impulsionado pela introdução de uma estratégia nacional para veículos autônomos, publicada em outubro de 2019, que espera reduzir as mortes nas estradas no país em 75%.



Sobre a pandemia da Covid-19, o índice revelou que os veículos sem motoristas poderão ser importantes para o atendimento dos novos requisitos de movimentação de pessoas e mercadorias. 

Por exemplo, o transporte público pode ser parcialmente aliviado por micro-ônibus autônomos sob demanda, para promover o distanciamento social, e veículos autônomos para transporte e entrega de produtos sem contato.
Pela primeira vez, o estudo da KPMG também apresentou casos de municípios com iniciativas de veículos autônomos relevantes: Pequim, Detroit, Helsinque, Pittsburgh e Seul.


Mecânica Online

Novo Actros
Poucos meses após o seu lançamento no mercado brasileiro, o extrapesado foi eleito o melhor caminhão do ano na edição de 2020 do "Prêmio REI – Reconhecimento à Excelência e Inovação". 

Além disso, a Mercedes-Benz também foi reconhecida como “Empresa do Ano”, destacando-se pela inovação e revolução tecnológica presentes nas suas linhas de produção, veículos e serviços, que cada vez mais entregam soluções eficientes e rentáveis para os seus clientes.

Pneus
A preocupação com a redução do consumo de combustível também é uma das características da indústria de pneus. A Sumitomo Rubber do Brasil, detentora das marcas Dunlop, Falken e Sumitomo no país, trabalha no desenvolvimento de tecnologias que visam melhorar o desempenho dos pneus, como redução da resistência ao rolamento e desenho assimétrico da banda de rodagem, aumentando também a eficiência energética desses produtos e contribuindo assim para a economia de combustível dos veículos.

Veículos elétricos
O projeto de pesquisa inovador e exclusivo "Bidirectional Charging Management - BCM" tem como principal objetivo permitir aos clientes fornecer energia dos seus próprios veículos à rede elétrica, suprindo a demanda da matriz energética. 
No Brasil, já é possível aderir à tarifa branca e pagar um preço diferenciado, dependendo do horário de consumo. Também já é possível obter créditos na conta de energia com o fornecimento de energia elétrica. 

Futuramente, então, os proprietários de veículos elétricos poderão carregar o veículo durante a madrugada a custo baixo e fornecer energia no horário de pico, de alto custo, podendo eliminar seu custo com energia elétrica ou mesmo obter lucro.

Parabéns
O Kwid, primeiro SUV compacto urbano, assim denominado pela Renault, acaba de completar 3 anos no mercado brasileiro com bons motivos para comemorar. O modelo é líder de vendas, com 49% de participação do segmento no acumulado de 2020, e exportado para 28 países da América do Sul, América Central e África. Produzido no Complexo Ayrton Senna, em São José dos Pinhais (PR), o Kwid já vendeu mais de 204 mil unidades no Brasil e mais de 70 mil unidades no mercado externo.

==============================================
Tarcisio Dias é profissional e técnico em Mecânica, além de Engenheiro Mecânico com habilitação em Mecatrônica e Radialista, desenvolve o site Mecânica Online® (www.mecanicaonline.com.br) que apresenta o único centro de treinamento online sobre mecânica na internet (www.cursosmecanicaonline.com.br), uma oportunidade para entender como as novas tecnologias são úteis para os automóveis cada vez mais eficientes.
Coluna Mecânica Online® - Aborda aspectos de manutenção, tecnologias e inovações mecânicas nos transportes em geral. Menção honrosa na categoria internet do 7º e 13º Prêmio SAE Brasil de Jornalismo, promovido pela Sociedade de Engenheiros da Mobilidade. Distribuição gratuita todos os dias 10, 20 e 30 do mês.
http://mecanicaonline.com.br/wordpress/category/colunistas/tarcisio_dias/

Inteligência Artificial e Big Data garantem redução de até 50% no consumo de energia. Resultado é a menor demanda das matrizes energéticas e diminuição nas emissões de carbono.


O engenheiro ambiental e diretor do Grupo Luminae, Diego Cavalcante, é defensor da energia limpa e do uso racional da eletricidade. Na última sexta-feira, dia 28 de agosto, ele participou do Digitalks como palestrante, quando discutiu o desafio de reduzir as emissões de carbono – e, consequentemente, gerar economia – utilizando tecnologia de ponta na gestão energética. 

“Especialmente num momento em que o mundo passa por mudanças climáticas, associadas à escassez de recursos naturais, o caminho da sustentabilidade é fundamental para a sobrevivência do planeta”, diz.

“O atual quadro pós-pandêmico, que está se instalando, chega com uma consciência maior da necessidade de retomar o crescimento econômico, sem deixar de lado a preservação do meio ambiente”, relata Cavalcante. 

“Nesse cenário, otimizar o uso da energia evita o uso de força gerada pelas termoelétricas e outras matrizes poluentes, e ajuda a poupar as fontes limpas, como as hidrelétricas. Além de minimizar a emissão de carbono, o uso inteligente da energia ainda promove economia financeira substancial, que pode chegar a 50%.”

Ao saber como a energia é utilizada, 
o usuário elimina o desperdício Segundo o engenheiro, há um desperdício de 30% a 40% da energia utilizada, tanto em residências, como empresas, indústrias e estabelecimentos comerciais. “Conseguimos perceber a diferença na fatura, mas como saber onde houve perda ou mau uso dos recursos energéticos? Como é possível identificar, por exemplo, se um equipamento “puxa” mais eletricidade por defeito ou falha de configuração?”

Novas tecnologias como Inteligência Artificial e Big Data já vêm sendo fortemente introduzidas no cotidiano de empresas e pessoas, e sua aplicação vêm crescendo para todos os setores, especialmente com a chegada de máquinas conectadas, capazes de entregar informações em tempo real (IoT, ou Internet das Coisas). 

No campo da gestão de energia, sensores implantados em dispositivos movidos a eletricidade ou outro tipo de combustível transmitem, de forma contínua, dados que podem ser acessados em qualquer tempo e local até mesmo pelo celular.

Lógica de sensores Com o uso de ferramentas de tratamento e cruzamento de dados, associados a sistemas inteligentes, capazes de gerenciar dispositivos remotamente, a gestão da energia se torna mais competente à medida que passa a ser automatizada. 

“A chegada do 5G vai permitir um ganho em eficiência, tanto no desenvolvimento tecnológico quanto na velocidade do processamento de dados”, acrescenta Cavalcante. Segundo o executivo, essa transformação digital vai impactar positivamente na eficiência energética. Tudo isso sem cabos ou fios aparentes, nem obras de infraestrutura.

Para ele, a melhoria da qualidade das conexões vai democratizar a automação de processos baseados em IoT, facilitando até mesmo às pequenas empresas economizar de forma significativa com medidas simples, como reduzir a iluminação de determinada área quando o fluxo de pessoas diminui, ou modificar a posição de um termostato, mesmo quando não há ninguém para manipular botões ou interruptores.

Gilbarco Veeder-Root participa da Agrishow Experience com soluções inteligentes para gestão do combustível




O maior evento do agronegócio, este ano em formato totalmente digital, acontece de 14 a 18 de setembro. A Gilbarco Veeder-Root contribuirá com seus equipamentos e soluções no tema "Tecnologia e Inovação" que será a pauta do encontro no dia 16.
A Agrishow Experience acontece em cinco dias, cada um deles dedicado a um tema, cobrindo, praticamente, todos os tópicos de interesse do agronegócio: de equipamentos, a novas tecnologias, passando por legislação, energias renováveis e irrigação, entre outros.
No dia 16, no tema “Tecnologia e Inovação” a Gilbarco Veeder-Root apresentará sua mais recente solução para o segmento industrial e agro, a nova linha de bombas de combustíveis Prime Fleet SaaS. O equipamento conta com todos os recursos inteligentes da linha de bombas industriais Prime Fleet e agrega a nova plataforma de gestão de combustíveis, FuelOnet Pro, resultando numa solução completa de controle integrado de abastecimento de frotas.
Prime Fleet SaaS é uma combinação única de soluções de abastecimento e gestão de combustível para frotas. Desenvolvida para maximizar a eficiência e reduzir os custos operacionais, oferece agilidade no abastecimento de veículos e proporciona total controle da frota aos gestores, através da geração de dados precisos e disponíveis em tempo real”, explica Leandro Nunes, gerente de marketing estratégico América Latina para soluções de frota.
No painel virtual, Papo com Especialista, Nunes, terá a oportunidade de detalhar a solução, que inclui a plataforma de gestão de dados de abastecimento, FuelOnet Pro.

Hospedada em nuvem, com informações completas sobre o fluxo de abastecimento, a plataforma permite identificar as perdas do processo de abastecimento de combustível, tendências operacionais, além de permitir diversas formas de identificação da frota, entre elas, a identificação automática de veículos por RFID. 
Este recurso proporciona economia com despesas de combustível, reduzindo o risco de fraude e perdas no processo de abastecimento, garantindo que somente veículos autorizados sejam abastecidos.  
Para maior segurança dos gestores, a plataforma conta com um potente motor de alarmes que são emitidos de maneira automática, a partir da detecção de abastecimentos irregulares, ou qualquer outro padrão anormal de operação.
Mais do que nunca, o momento exige soluções acuradas e digitais para postos próprios de empreendimentos agrícolas. Para isso, conseguimos desenvolver um sistema de gestão, praticamente, livre da interface humana para operação local ou remota, contribuindo efetivamente para o resultado final do negócio”, diz o gerente.
Além da solução Prime Fleet SaaS, a Gilbarco Veeder-Root apresentará seu portfólio de industrial voltado para o mercado agro na Agrishow Experience.
Serviço:
Agrishow Experience
Inovação e tecnologia: 16 de setembro de 2020
Inscrições gratuitas: https://bit.ly/31oO55E

domingo, 30 de agosto de 2020

Mercedes-Benz inova e realiza demonstração virtual e presencial do Novo Actros para clientes




Clique aqui e veja o Novo Actros em Curitiba

Chegou a vez do Novo Actros rodar pelo Brasil. A Mercedes-Benz e seus concessionários, seguindo todos os protocolos de proteção contra o coronavírus, apresentará até novembro o caminhão em diversas concessionárias do País.
“Mais uma vez, estamos inovando no mercado, oferecendo aos clientes um evento de demonstração presencial e online ao mesmo tempo”, diz Ari de Carvalho, diretor de Vendas e Marketing Caminhões da Mercedes-Benz do Brasil. 
“Um modo novo para que os transportadores e motoristas conheçam mais de perto e testem o caminhão mais inteligente, conectado, eficiente e seguro do mercado. Além de test-drive com instrutores da fábrica, teremos lives regionais que reforçarão os diferenciais do Novo Actros e permitirão interação online do público com João Moita, o Embaixador da Voz das Estradas”.

Novo Actros Experience
No primeiro dia de todas as etapas, a Mercedes-Benz realizará lives regionais para destacar as tecnologias, inovações e diferenciais do Novo Actros. Além de exibir imagens da chegada do moderno caminhão à cidade, valorizando a região e o produto, a live terá atrações como um walkaround do veículo e um bate papo com o João Moita, Embaixador da Voz das Estradas.
O walkaround virtual proporcionará uma imersão para o espectador da live. Um engenheiro da fábrica será o apresentador, mostrando os destaques do produto.
As lives regionais trarão também as soluções em Peças e Serviços oferecidas pela marca aos clientes, como três linhas de peças, MB Uptime, Fleetboard, Planos de Manutenção e demais itens do portfólio, além de novidades e campanhas do Mercedes Club.

Rota e calendário do Novo Actros Experience
Data
Cidade
Concessionário
02 a 04/09
Caxias do Sul (RS)
Mecasul
23 a 25/09
Bauru (SP)
Aoki
07 a 09/10
Cuiabá (MT)
Rodobens
04 a 06/11
Barreiras (BA)
Mavel
18 a 20/11
Vitória da Conquista (BA)
Comveima
25 a 27/11
Belo Horizonte (MG)
Minasmáquinas / Cardiesel
09 a 11/12
São Gonçalo (RJ)
Mardisa
Novo Actros. O caminhão inteligente.
O Novo Actros começou a ser entregue aos clientes no mês passado com grandes inovações, como o MirrorCam, sistema que substitui os retrovisores convencionais por câmeras digitais e faz desse Mercedes-Benz o primeiro caminhão sem retrovisor externo do Brasil.
A nova linha de extrapesados traz para o País inéditas tecnologias de segurança ativa que são de série, evitam acidentes e protegem vidas, como os Assistentes Ativo de Frenagem (ABA 5 – único do mercado que identifica veículos, pedestres e objetos à sua frente e freia sozinho, caso o motorista não tome a ação necessária), Ponto Cego, Fadiga e o Programa Eletrônico de Estabilidade ESP. Além disso, o caminhão também é equipado com os já conhecidos Controle de Proximidade e Assistente de Faixa de Rolagem.
Portfólio Novo Actros
O portfólio de modelos Novo Actros é formado pelos cavalos mecânicos 2045 4x2 da faixa de 450 cv (que marca a estreia do Actros na categoria 4x2), 2548 6x2 e 2648 6x4, ambos com motor na faixa de 480 cv. Além disso, o cliente tem a opção do já consagrado Actros 2651 6x4 de 510 cv. 
A chegada do OM 471 de 530 cv é outra novidade da marca. Esse motor equipa o Actros 2553 LS 6x2 e Actros 2653 LS 6x4 (cavalos-mecânicos com suspensão pneumática) e Actros 2653 S 6x4 (cavalo-mecânico com suspensão metálica).
Ou seja, a partir de 2020, os clientes têm à disposição Novos Actros com motores de 450 a 530 cv. Com esses modelos, a marca aumenta as opções de escolha para os clientes que operam no transporte de grãos, carga seca, cargas frigorificadas, combustíveis, produtos químicos, gases, porta-container e outras aplicações.

BMW Motorrad WorldSBK Team and Tom Sykes to race together again in WorldSBK in 2021




Munich. The BMW Motorrad WorldSBK Team and Tom Sykes (GBR) are set to continue working together in the FIM Superbike World Championship (WorldSBK) in the 2021 season, when Sykes will line up on the BMW S 1000 RR for the third year in a row. His new team-mate will be Michael van der Mark (NED).

35-year-old Sykes has been part of the BMW Motorrad WorldSBK Team from the word go. In the team’s debut season in 2019, he secured one pole position and four podium finishes with the BMW S 1000 RR. He has since added a further pole position at the opening round of the 2020 season on Phillip Island (AUS). 


“Tom has been part of our WorldSBK Team from the very start and is an important pillar of this project”, said Marc Bongers, BMW Motorrad Motorsport Director. “We are pleased to be able to continue along the common path in 2021, which we embarked upon with the first tests back in December 2018. This gives us continuity, which is very important for the successful development of a project. We have already achieved a lot together, and the goal is now to definitively close the gap to the front-runners. Tom’s extensive knowledge of the BMW S 1000 RR and his input will play a key role in achieving this.”


Kartismo: Alexandre Albino vence e lidera turno da F-4 Akasp. Rogério Cebola termina em terceiro e foi o show man da prova



Depois de outra prova super disputada, a F-4 da Associação de Kart Amador de São Paulo (Akasp) tem novo líder em seu quarto turno. Na noite de quarta-feira (26/8), no Kartódromo Granja Viana, em Cotia (SP), Alexandre Albino venceu pela primeira vez nesta temporada e já assumiu a liderança nesta segunda etapa do penúltimo turno ao completar as 29 voltas em 25min26s898, com 9s550 de vantagem sobre Carlos Santana (AFS), que foi seguido de Rogério Cebola (Cardoso Funilaria e Pintura) – vice líder do turno -, Hélio Bianchi (Bianchi Automóveis), Giovani Bondança (Mais Farma) e Emerson Rildo, completando os seis primeiros.

A prova começou com Otávio Lotfi liderando as três primeiras voltas, seguido de Hélio Bianchi, até acontecer uma grande troca de posições, com Carlos Santana assumindo a ponta e levando Alexandre Albino para segundo. Na sétima passagem Albino já pula pra primeiro, e começa a se distanciar e estabelecer a volta mais rápida da corrida.

Enquanto isto, tem início uma grande batalha entre Santana e Rogério Cebola, que assumiu o segundo posto. Na 22ª volta foi a vez de Lotfi, que chegou a cair para a quinta posição, ser o novo vice-líder, com Cebola em terceiro, Santana em quarto, Giovani Bondança em quinto e Bianchi em sexto. 

Tudo mudou no meio da última volta, quando houve um toque entre todos estes pilotos, que estavam muito juntos. E foi o que definiu a ordem de chegada, já que Lotfi rodou, caindo para sétimo. Melhor para Santana, que aproveitou a confusão para reassumir o segundo lugar, seguido de Cebola, que ficou com a direção torta, Bianchi e Bondança.

“Mais uma prova empolgante, em que larguei em sexto, fiz várias ultrapassagens e consegui brigar pelo segundo até a última volta, quando num toque que levei a minha roda enganchou com um colega e entortou a barra de direção. Ainda assim, com cada roda para um lado consegui me arrastar até a linha de chegada, conquistando meu segundo pódio seguido, que foi importante para continuar na vice-liderança do turno”, comentou Rogério Cebola, que foi a principal atração da transmissão ao vivo da prova.

A próxima etapa do quarto turno da F-4 da Associação de Kart Amador de São Paulo será realizada no dia 2 de setembro, novamente no Kartódromo Granja Viana.

O certame de F-4 da Akasp é disputado com karts Mega dos próprios pilotos, mas com acertos de chassi fixos, equipados com motor Honda GX 390, de 18 hp, equalizados e sorteados pela MFS Racing. A novidade desta temporada é a utilização dos pneus Lecont.

Reveja a prova de F-4 da Akasp no Kart Amador SP pelo link
https://youtu.be/w-2OznuRh0I
Resultado da segunda etapa do quarto turno da F-4 Akasp: 1) Alexandre Albino, 29 voltas em 25min26s898; 2) Carlos Santana, a 9s550; 3) Rogério cebola, a 10s152; 4) Hélio Bianchi, a 10s321; 5) Giovani Bondança, a 13s566; 6) Emerson Rildo, a 16s394; 7) Otávio Lotfi, a 18s000; 8) Arnaldo Biondo, a 19s884; 9) Luiz Reche, a 21s569; 10) Emílio Di Bisceglie, a 24s994.

Classificação do quarto turno da F-4 Akasp depois de duas etapas: 1) Alexandre Albino, 61; 2) Alberto Otazú/Rogério Cebola, 57; 3) Carlos Santana, 55; 4) Bruno Biondo/Emílio Di Bisceglie, 50; 5) Alberto Otazú/Hélio Bianchi, 46; 6) Giovani Bondança/Eder Ayres, 46; 7) Emerson Rildo, 39; 8) Otávio Lotfi, 38; 9) Arnaldo Biondo/Bruno Biondo, 35; 10) Luiz Reche/André Relvas, 33; 11) Waltinho Vignatti, 29; 12) Heraldo Brasil/Saint Clair, 27; 13) Sérgio Luiz/Dilson Sucupira, 26; 14) Sandro Ferraris, 24.

Classificação Geral da F-4 da Akasp depois de quatorze etapas: 1) Emílio Di Bisceglie/Bruno Biondo, 357 pontos; 2) Alberto Otazú/Hélio Bianchi, 320; 3) Alberto Otazú/Rogério Cebola, 294; 4) Carlos Santana, 289; 5) Otávio Lotfi, 277; 6) Alexandre Albino, 262; 7) Bruno Biondo/Arnaldo Biondo/Emílio Di Bisceglie, 248; 8) Giovani Bondança/Eder Ayres, 234; 9) Luiz Reche/André Relvas, 217; 10) Sérgio Luiz/Dilson Sucupira, 215.

Alberto Cesar Otazú tem o apoio de Autódromo Virtual de São Paulo (AVSP), Bianchi Automóveis, Cardoso Funilaria e Pintura, No Fire Services, Rolley Ball, Speed Truck, Pailler Racing. O jovem apoia as ações da Associação Cruz Verde, Direção para a Vida e Rotary Club Ponte Estaiada.

sábado, 29 de agosto de 2020

Copa Pro Honda CBR 650R estreia no SuperBike Brasil 2020 Nova categoria monomarca e campeonato têm patrocínio do Oléo Pro Honda






São Paulo (SP) – A Copa Pro Honda CBR 650R, nova categoria monomarca de incentivo à motovelocidade, estreia na primeira etapa do SuperBike Brasil 2020. O evento movimenta o Autódromo de Interlagos, em São Paulo (SP), até domingo (30/8), sendo que nesta sexta-feira (28/8) foram realizados os treinos livres. 

Principal novidade do campeonato para a temporada, a classe, patrocinada pelo Óleo Pro Honda, é uma das maiores em número de pilotos inscritos e conta com um embaixador, o experiente piloto Rafael Paschoalin, que está acompanhando de perto todos os trabalhos com as motos.

A categoria chegou para substituir a Copa Honda CBR 500R, estimular novos talentos e dar sequência à classe intermediária de acesso, com igualdade de equipamentos - o que promete proporcionar disputas incríveis. 


“Estamos fazendo vários testes com a motocicleta, que é muito boa nas curvas, freio, em tudo. Os pilotos estão gostando muito e, mesmo em um ano cheio de imprevistos por conta desse cenário de pandemia, podemos esperar um grande sucesso. O que nasceu bom, ficará cada vez melhor”, evidencia Paschoalin.

O piloto Rafael Rigueiro atingiu o melhor tempo nos treinos livres desta sexta-feira, com 1min47s164, seguido de Lucas Torres (1min47s305) e Guilherme Brito (1min48s297). No sábado (29/8), a programação inclui os classificatórios que definem o grid da corrida de domingo.
“Tive uma adaptação muito rápida com a moto, que é excelente, com boa ciclística, suspensão, o que me permitiu evoluir a cada volta, a cada treino. Estou muito feliz com a oportunidade, estou curtindo muito a Honda CBR 650R”, conta Lucas Torres.

Para Guilherme Brito, que participou de outras temporadas da Copa Honda CBR 500R, a expectativa é por grandes disputas. “Gostei muito da moto, me surpreendeu bastante e quero buscar a pole e a vitória. É muito grande a evolução da CBR 500R para a CBR 650R, que é um modelo ao mesmo tempo mais forte e mais leve”, destaca.
Óleo Pro Honda no SuperBike Brasil
O SuperBike Brasil 2020 também terá o patrocínio do Óleo Pro Honda. Desenvolvido exclusivamente para motores Honda, o produto é formulado com óleos selecionados e aditivos de alta tecnologia. O Óleo Pro Honda apoia desde o ano passado as equipes oficiais da Honda Racing na motovelocidade, motocross, enduro e rally.

Resultado Copa Pro Honda CBR 650R – sexta-feira (28/8)

Consolidado – Treinos Livres (Dez primeiros)
1º - Rafael Rigueiro #52 – 1:47.164
2º - Lucas Torres #177 – 1:47.305
3º - Guilherme Brito #44 – 1:48.297
4º - Juracy Black #56 – 1:49.470
5º - Diego Viveiros #23 – 1:51.386
6º - Leandro Espósito #32 – 1:52.081
7º - Daniel Mos #207 – 1:52.219
8º - Mauricio Marques #63 – 1:52.258
9º - Henrique Poli Junior #3 – 1:52.446
10º - José Eduardo Lara #959 – 1:52.591

1ª etapa do SuperBike Brasil 2020
Local: Autódromo de Interlagos - São Paulo (SP)
Programação Honda no SuperBike Brasil 2020*

Sábado (29/8)
7h23 às 7h43 - 1º classificatório – Copa Pro Honda CBR 650R
7h46 às 8h06 - 1º classificatório – Honda Junior Cup
9h41 às 10h21 - 1º classificatório – SuperBike
10h47 às 11h07 - 2º classificatório – Copa Pro Honda CBR 650R
11h10 às 11h30 - 2º classificatório – Honda Junior Cup
13h05 às 13h45 - 2º classificatório – SuperBike
15h20 às 15h40 - 3º classificatório – Copa Pro Honda CBR 650R
15h43 às 15h53 - SuperPole – SuperBike
16h45 às 17h05 - 2º classificatório – Honda Junior Cup

Domingo (30/8)7h às 7h10 – Warm-up - Honda Junior Cup
7h30 às 7h40 - Warm-up - Copa Pro Honda CBR 650R
8h30 às 8h40 - Warm-up - SuperBike
9h01 às 9h21 - Corrida - Honda Junior Cup (8 voltas)
12h05 às 12h29 - Corrida - Copa Pro Honda CBR 650R (12 voltas)
13h14 às 13h36 - Corrida - SuperBike (14 voltas) / Transmissão Rede TV! a partir das 13h

* A programação é fornecida pela organização do evento e está sujeita a alterações.


A um dia do final, Gregório Caselani lidera as motos no Rally Jalapão. Prova válida como abertura do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country termina neste sábado (29/8), no oeste da Bahia



Após dois dias de disputas no Rally Jalapão, no oeste da Bahia, o gaúcho Gregório Caselani, da equipe Honda Racing, segue na liderança das motocicletas com a CRF 450RX. Neste sábado (29/8), a terceira e última etapa da prova terá 333 quilômetros, incluindo 163 de especiais. A competição é válida como abertura do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country. 


Caselani foi o segundo mais rápido na etapa desta sexta-feira (28/8), seguido pelo companheiro de equipe Jean Azevedo - que sobe para o quarto lugar da classificação geral. O dia incluiu 424 quilômetros, 255 deles de especiais (trechos cronometrados). Tunico Maciel, que estava na vice-liderança da prova, teve problemas por volta do km 200 da especial e não completou. O primeiro colocado da etapa foi o francês Adrien Metge, sendo que os resultados são extraoficiais. 


“A segunda etapa foi parecida com o primeiro dia de prova. Havia uns 60 km de trecho inédito, com terreno similar. Fiz uma boa prova e espero buscar a vitória do Rally Jalapão na etapa final”, conta Caselani, que também lidera a classe Super Production. “A expectativa é de que o roteiro seja parecido, mas com alguns desvios”, acrescenta. 


Jean Azevedo completa: “A especial foi longa, com mais de 250 km, e mesclou piso de areia e de cascalho. A minha CRF 450RX está 100% para a etapa final”. 


Por conta dos protocolos de segurança e saúde em função da pandemia de coronavírus, o parque de apoio do evento é isolado, sem a presença de público, e o roteiro tem como palco propriedades privadas da zona oeste da Bahia. O percurso total do Rally Jalapão inclui cerca de mil quilômetros, sendo aproximadamente 700 de especiais.


Domínio na classe Rally Brasil 
Bissinho Zavatti manteve o primeiro lugar da categoria Rally Brasil, direcionada aos produtos de fabricação nacional. O piloto da equipe Honda Racing acelera a motocicleta CRF 250F. Quatro dos cinco atletas mais rápidos da categoria optaram pelo mesmo modelo, sendo que o Top 5 tem domínio completo da Honda, já que há um piloto competindo com a XRE 300. 


A equipe Honda Racing de Rally é patrocinada por Pro Honda, ASW, Michelin, Alpinestars, DID e Seguros Honda. 


6º Rally Jalapão
Resultados acumulados após dois dias de prova (extraoficiais)
Classificação Geral Motos
1 - #2 - GREGÓRIO CASELANI - 6:13:53 - HONDA CRF 450RX

2 - #12 - ADRIEN METGE - 6:15:46
3 - #3 - RICARDO MARTINS - 6:25:51
4 - #4 - JEAN AZEVEDO - 6:26:34 - HONDA CRF 450RX
5 - #5 - TULIO MALTA - 6:45:24
10 - #11 - BISSINHO ZAVATTI - 7:12:38 - HONDA CRF 250F
Categoria Super Production
1 - #2 - GREGÓRIO CASELANI - 6:13:53 - HONDA CRF 450RX

2 - #12 - ADRIEN METGE - 6:15:46
3 - #3 - RICARDO MARTINS - 6:25:51
4 - #4 - JEAN AZEVEDO - 6:26:34 - HONDA CRF 450RX
Categoria Rally Brasil
1 - #11 - BISSINHO ZAVATTI - 7:12:38 - HONDA CRF 250F

2 - #22 - ANDRE BEZERRA - 7:46:42 – HONDA XRE 300
3 - #41 - LEONARDO MARTINS - 7:57:22 - HONDA CRF 250F
4 - #39 - JOAO PEDRO AZEVEDO - 8:19:40 - HONDA CRF 250F
5 - #26 - YPIRANGA CORTEZ JR - 8:47:03 - HONDA CRF 250F

Resultados da 2ª etapa (extraoficiais)
Classificação Geral Motos
1 - #12 - ADRIEN METGE - 02:55:51
2 - #2 - GREGÓRIO CASELANI - 02:57:02 - HONDA CRF 450RX
3 - #4 - JEAN AZEVEDO - 03:02:01 - HONDA CRF 450RX

4 - #3 - RICARDO MARTINS - 03:03:36
5 - #8 - BRUNO LELES - 03:10:19
12 - #11 - BISSINHO ZAVATTI - 03:26:52 - HONDA CRF 250F
Categoria Super Production 1 - #12 - ADRIEN METGE - 02:55:51
2 - #2 - GREGÓRIO CASELANI - 02:57:02 - HONDA CRF 450RX
3 - #4 - JEAN AZEVEDO - 03:02:01 - HONDA CRF 450RX
4 - #3 - RICARDO MARTINS - 03:03:36
Categoria Rally Brasil
1 - #39 - JOAO PEDRO AZEVEDO - 03:22:06 - HONDA CRF 250F
2 - #11 - BISSINHO ZAVATTI - 03:26:52 - HONDA CRF 250F
3 - #22 - ANDRE BEZERRA - 03:36:05 – HONDA XRE 300
4 - #41 - LEONARDO MARTINS - 03:46:37 - HONDA CRF 250F
5 - #26 - YPIRANGA CORTEZ JR - 04:33:24 - HONDA CRF 250F
Programação*

Sábado (29/8) – 3º dia

6h - Largada 1ª moto no parque de apoio
17h - Premiação

Deslocamento inicial - 82 km
Trecho especial (cronometrado) - 163 km
Deslocamento final - 88 km
Total do dia – 333 km
 
Total do percurso - 1.231 km
Total dos trechos cronometrados - 718 km


A programação é fornecida pela organização do evento e está sujeita a alterações. 

sexta-feira, 28 de agosto de 2020

GT Sprint Race: Treinos definem poles positions da segunda etapa. Neste sábado, 29, as duas corridas terão transmissão ao vivo a partir das 10 horas e às 14h20 no Youtube.com/acelerados, Youtube.com/gtsprintrace e a segunda corrida também no Bandsports




A segunda etapa da GT Sprint Race tem definido os seus grids de largada. Já em clima de disputa, os 31 pilotos foram para a pista do autódromo do interior paulista na tarde desta sexta-feira (28/8) para decidir quem vai largar na frente. As corridas oficiais serão realizadas neste sábado (29), às 10h05min e 14h25min.


Os maiores destaques desta tarde na PRO foram Ricardo Sperafico (GTSR#23) e Gerson Campos (GTSR#82), que fizeram a pole para primeira e segunda corridas, respectivamente. 



"Feliz, deu tudo certo e vínhamos rápidos desde o primeiro treino o carro e conseguimos encaixar uma volta boa. É sempre bom uma pole position na carreira. O carro se comportou bem nos treinos e na corrida e vamos ver se a gente consegue manter esse ritmo", comemora o piloto de Toledo/PR.


"Pole muito especial!”, festeja Gerson Campos. “Quem acompanha sabe que a Sprint é a casa do Acelerados, muitos vídeos do nosso canal são feitos aqui. O carro novo está fantástico, muito bom de guiar e com a direção elétrica ajuda bastante, principalmente nesse sol, que judia muito da parte física dos pilotos. Eu estou muito feliz com essa pole para a segunda corrida, vamos tentar reverter em um bom resultado pra amanhã", completa o paulistano.

Na PROAM, quem também vai largar na primeira posição de cada corrida é Alex Seid na primeira corrida e Marcelo Henriques na segunda bateria, companheiro de Seid no GT SR #01.


“Eu comecei mal na primeira parte do meu treino, depois deu bandeira vermelha e ainda bem que eu consegui acertar um pouco. Primeira parte concluída, amanhã tem mais”, diz Seid de São Paulo/SP.


O mineiro Marcelo Henriques vai em busca dos pontos para assumir a liderança na categoria. "Começamos com o pé direito, agora é focar na corrida de amanhã, essa pista tem os seus truques, então vamos com isso em mente para amanhã porque o mais importante é a gente trazer os pontos da categoria que estamos disputando", destaca.


Já na AM, as melhores posições ficaram com Eduardo Menossi (GTSR#85) e o estreante Paulo Borges (GTSR#88). Apesar de serem paulistas, os pilotos mostraram que tem forte intimidade com o traçado do Velocitta. 

"Nós trabalhamos forte, não estava nem prevendo a pole, porque estamos carregando 30 quilos e aqui é um autódromo com muita subida. Mas foi uma grata surpresa. A dedicação foi grande, treinei muito", contou o piloto de São Bernardo do Campo/SP que reside na capital paulista.


“Por causa de um imprevisto familiar eu não fiz a primeira etapa, então eu dedico esse P1 à minha esposa, meu filho, meu pai, minha mãe, meu sogro, minha sogra, amo vocês. Obrigado por emprestarem um pouco do Paulo para o Paulo criança, que ama velocidade. Vamos lá!", diz emocionado Paulo Borges.

A movimentação no autódromo neste sábado começa cedo. Às 9h45min horas, os pilotos já se prepararam para as corridas oficiais estão programadas para começar às 10h05min e 14h25 min sendo que a entrega de troféus para os primeiros colocados será após cada uma das provas.


Transmissões
As corridas deste sábado terão transmissão ao vivo pelo YouTube da Sprint Race e Acelerados, já a BandSports transmite a segunda corrida ao vivo. Ao longo da semana, também serão exibidas para todo Brasil, nos programas Auto + da RedeTV!, Acelerados no SBT e YouTube (youtube.com/acelerados) e Velocidade Máxima no National Sports Channel.

A GT Sprint Race é patrocinada pela Tekbond, Yokohama, Militec1, Sparco, TecPads, Injepro e Fremax.

Confira os grids  de largada da segunda etapa

Corrida 1
1) #23 Ricardo Sperafico, PRO, 1m37s272
2) #21 Thiago Camilo, PRO,  1m37s629
3) #19 Diego Ramos, PRO, 1m37s693
4) #01 Alex Seid, PROAM,1m38s162
5) #82 Gerson Campos, PRO, 1m38s401
6) #8 Lucas Daleffe, PRO, 1m38s579
7) #45 Leonardo Torres, PROAM, 1m38s965
8) #11 Weldes Campos, PROAM, 1m39s002
9) #17 Eduardo Trindade, PRO, 1m39s082
10) #53 Enrico de Lucca, PROAM, 1m39s112
11) #85 Eduardo Menossi, AM, 1m39s469
12) #793 Adalberto Baptista, PROAM, 1m39s606
13) #79 Pedro Ebrahim, PROAM, 1m39s649
14) #44 Pedro Costa, AM, 1m40s114
15) #30 Josimar Jr., PROAM, 1m40s140
16) #27 Edison Cortez, AM, 1m40s542
17) #33 Bruno Campos, AM, 1m43s353
18) #88 Paulo Borges, AM, 1m43s822
19) #07 Pedro Bezerra, AM, 1m44s939
20) #55 Walter Lester, AM, sem tempo

CORRIDA 2
1) #82 Gerson Campos, PRO, 1m37s930
2) #23 Rodrigo Sperafico, PRO, 1m38s179
3) #01 Marcelo Henriques, PROAM,1m38s590
4) #793 Adalberto Baptista, PROAM, 1m39s024
5) #8 Lucas Daleffe, PRO, 1m39s134
6) #30 Josimar Jr., PROAM, 1m39s214
7) #11 Weldes Campos, PROAM, 1m39s281
8) #53 Danillo Carvalho, PROAM, 1m39s378
9) #17 Daniel Coutinho, PRO, 1m39s459
10) #19 Luciano Zangirolami, PRO, 1m39s815
11) #21 Beto Cavaleiro, PRO,  1m40s118
12) #45 Luís Debes, PROAM, 1m40s545
13) #88 Paulo Borges, AM, 1m41s588
14) #33 Bruno Campos, AM, 1m42s601
15) #55 Caê Coelho, AM, 1m42s762
16) #85 Marcelo Brisac, AM, 1m42s881
17) #07 Pedro Bezerra, AM, 1h45m430
18) #44 Luiz Arruda, AM, 1m46s365
19) #79 Kau Machado, PROAM, sem tempo
20) #27 Edison Cortez, AM, sem tempo

PROGRAMAÇÃO

Sábado, 29 de agosto
10h05 às 10h30 – GT Sprint Race – Volta de apresentação + Corrida (23 minutos + 1 volta)
14h25 às 14h50 – GT Sprint Race – Volta de apresentação + Corrida 2 (23 minutos + 1 volta)
14h50 às 15h00 – GT Sprint Race – Cerimônia de entrega dos troféus.

Fotos: Luciano Santos/SiGCom
                                           
Siga-nos também nas redes sociais:
Twitter: @Sprint Race

ACESSE TODAS AS POSTAGENS E SAIBA TUDO SOBRE O MUNDO AUTOMOTIVO.