terça-feira, 31 de julho de 2012

GRUPO FIAT FECHA TRIMESTRE COM 21,5 BILHÕES DE EUROS DE RECEITAS

O Grupo Fiat fechou o segundo trimestre de 2012 com receitas de 21,5 bilhões de euros. Excluindo a Chrysler, as receitas totalizaram 9,2 bilhões de euros, um decréscimo de 7,5% em relação ao primeiro trimestre, refletindo principalmente as quedas de volume na Europa, onde continuam difíceis as condições comerciais para automóveis e comerciais leves, particularmente na Itália, devido ao clima econômico.

O lucro de gestão ordinária alcançou cerca de 1 bilhão de euros, sendo que a região NAFTA registrou 717 milhões de euros, a América Latina respondeu por 238 milhões de euros e a Ásia-Pacífico somou 64 milhões de euros, enquanto a Europa fechou o trimestre com perdas de 138 milhões de euros. 

As marcas de luxo e esportivos e o setor de componentes e sistemas de produção contribuíram, respectivamente, com 104 milhões de euros e 47 milhões de euros. O lucro de gestão ordinária para a Fiat, excluindo a Chrysler foi de 144 milhões de euros, em comparação com 375 milhões de euros no segundo trimestre de 2011, refletindo os volumes mais baixos na Europa e, em menor escala, na América Latina, que foram parcialmente compensadas por ganhos de eficiência industrial, ações de contenção de custos e outras ações de sinergia do grupo.

Primeiro semestre
No primeiro semestre de 2012 o Grupo Fiat registrou receitas de 41,7 bilhões de euros. Excluindo a Chrysler, as receitas totalizaram 17,9 bilhões de euros, um decréscimo de 6,6% sobre o primeiro semestre de 2011 refletindo principalmente as quedas de volume na Europa. 

As marcas de luxo aumentaram suas receitas em 10% (1,4 bilhão de euros) impulsionados pelo crescimento das vendas na Ásia e na América do Norte. O negócio de componentes registrou queda de 1,6% (4 bilhões de euros). O lucro da gestão ordinária foi de 1,8 bilhão de euros e o lucro líquido foi de 737 milhões.

Perspectivas para 2012
Fiat-Chrysler permanece totalmente comprometida com a direção estratégica definida nos planos quinquenais delineados em novembro de 2009 para a Chrysler e abril de 2010 para a Fiat. Tendo revisto as condições econômicas e comerciais nas quatro regiões operacionais que englobam suas atividades, o Grupo Fiat-Chrysler confirma as expectativas de desempenho na América do Norte, América Latina e Ásia-Pacífico. 

Como consequência do nível de incerteza sobre a atividade econômica na zona do euro, o grupo formulou projeções específicas de desempenho financeiro, considerando das atuais condições comerciais deprimidas na Europa até uma estabilização gradual no final de 2012. Assim, o Grupo projeta receitas acima dos 77 bilhões de euros, lucro da gestão ordinária entre 3,8 e 4,5 bilhões de euros, lucro líquido entre 1,2 e 1,5 bilhão de euros e endividamento líquido entre 5,5 e 6 bilhões de euros.

TOYOTA QUE JÁ VENDE NA EUROPA O AYGO EM PARCERIA COM A PSA PEGEOUT CITROËN, AMPLIA ACORDO PARA VENDER, A PARTIR DE 2013, UM NOVO MODELO AINDA EM ESTUDO, COM A MARCA JAPONESA

A Toyota já vende em parceria com a PSA o modelo Aygo na República Tcheca
A Toyota, por meio de sua subsidiária europeia, firmou uma nova parceria com a PSA Peugeot Citroën. No novo acordo, a PSA irá fornecer para a Toyota veículos comerciais leves para comercialização no mercado europeu. Os veículos serão vendidos sob a marca Toyota.



Com a parceria, a PSA passa a fornecer à Toyota, a partir de meados de 2013, uma van de médio porte baseada na Peugeot Expert e na Citroën Jumpy. O acordo também abrange a próxima geração do veículo, com a Toyota participando ativamente de seu desenvolvimento e investindo em equipamentos.

O Peugeot Expert e ...

“A Toyota e a PSA já fabricam um carro compacto para o mercado europeu, o Toyota Aygo, por meio de uma joint-venture na República Checa. Consideramos o mercado de veículos comerciais leve na Europa muito importante e vamos combinar nossas forças com a PSA apara atender aos anseios dos consumidores europeus”, afirma Didier Leroy, presidente e CEO da subsidiária europeia da Toyota.


... o Citroën Jumpy servirão de modelo para o novo Toyota que a japonesa venderá na Europa junto com a PSA.

TOYOTA PRODUZ NO 1º SEMESTRE DESTE ANO MAIS DE 50% DOS VEÍCULOS QUE FABRICOU DE JANEIRO A JUNHO DE 2011. FORAM QUASE 5,3 MILHÕES, MOSTRANDO TOTAL RECUPERAÇÃO DOS EFEITOS DA TRAGÉDIA QUE ATINGIU SUAS FÁBRICAS NO JAPÃO

Toyota Corolla é o carro mais vendido da marca nu mundo.
De janeiro a junho de 2012, o Grupo Toyota produziu mundialmente 5.247.777 unidades, 55,5% a mais do que o mesmo período do ano passado. No último mês de junho, foram produzidos 888.245 veículos, uma alta de 30,4% comparado ao mesmo período de 2011. A marca produziu no Japão 402.030 veículos, registrando crescimento pelo nono mês consecutivo. Fora do Japão, a produção também aumento, de 34,9%, com 486.215 veículos.

Do total de veículos, o mais produzido é o Corolla, com pouco mais de 39 milhões de unidades. O sedã, inclusive, é o mais vendido do mundo, de acordo com a revista Forbes com cerca de 36 milhões de comercializados desde que foi lançado, em 1966. No Brasil, o modelo foi líder de vendas no segmento de sedãs médios em sete dos últimos 10 anos e manteve a liderança no primeiro semestre de 2012.

A Toyota fundada em 1935, no Japão, comemora neste mês de junho, 76 anos e 11 meses de operação e atinge a marca de 200 milhões de veículos produzidos no mundo, cerca de 145 milhões deles fabricados no Japão e 55 milhões em unidades em vários países do mundo.

Vendas no Japão
No Japão, a Toyota acumula alta nas vendas nos últimos nove meses consecutivos. Em junho, vendeu 229.743 unidades o que representou aumento de 63% em relação ao mesmo mês em 2011. Neste primeiro semestre, a alta chega a 72%, em relação ao mesmo período do ano passado, com 1.319.967 unidades vendidas.

O A1 foi o primeiro carro produzido pela Toyota, em 1935.
A Toyota, localizada na cidade do mesmo nome, começou, em 1935, com a fabricação do primeiro protótipo do carro A1 e do caminhão G1 (foto abaixo), e, hoje, produz dezenas de modelos de veículos comerciais caminhões leves, picapes, sedãs grandes e médios, hatches e híbridos. 
Veja abaixo algumas marcas históricas de produção da Toyota e quanto tempo foi necessário para atingi-las:
10 milhões de unidades: Janeiro de 1972
50 milhões de unidades: Outubro de 1985
100 milhões de unidades: Janeiro de 1997
150 milhões de unidades: Janeiro de 2006
200 milhões de unidades: Junho de 2012.

sábado, 28 de julho de 2012

MUITA DISPUTA PELA MELHOR COLOCAÇÃO NA CLASSIFICAÇÃO GERAL SOB CALOR INTENSO NO INTERIOR DE SÃO PAULO. AS FOTOS MOSTRAM AS DIFICULDADES DA PROVA


Mogi Guaçu (SP), 28 de julho de 2012 - As disputas pela primeira colocação geral da Mitsubishi Cup esquentaram neste sábado (28). O rali de velocidade cross country chegou às cidades de Mogi Guaçu e Mogi Mirim sob um sol de mais de 30ºC, o que aumentou ainda mais a adrenalina e os desafios da quinta etapa da competição.

"O calor estava muito forte e isso acabou influenciando muito no nosso físico. Mas as brigas foram acirradas e isso é maravilhoso. Essa disputa tempo a tempo, segundo a segundo, é gratificante, ainda mais correndo contra grandes pilotos, como os irmãos Cristian e Marcos Baumgart, o Ingo Hoffmann, entre outros. É bonita essa competitividade", afirma Marcos Cassol, piloto da categoria L200 Triton RS.


Com 70 veículos no grid, o maior da temporada até agora, o evento contou com um percurso de 35 quilômetros montado dentro da fazendo Santa Angelina. Piso duro e liso, cana baixa e muitos trechos sinuosos de alta velocidade fizeram cada segundo ser valioso ao final das três provas do dia.


"A etapa que já começou difícil, ficou ainda mais complicada a cada volta, porque os carros começaram a formar facões. Mas, entre todas as etapas, essa de Mogi Guaçu e Mogi Mirim superou todas em termos de competitividade, de técnica e de piso. Uma prova que foi muito boa para fazer e, felizmente, ficamos com a vitória", afirma Cristian Baumgart, campeão da etapa na L200 Triton RS ao lado de Beco Andreotti.


Outros vencedores
Na categoria L200 Triton ER Master, a dupla Marcelo Mendes e Deco Muniz voltou a vencer na Mitsubishi Cup: são quatro vitórias em cinco etapas. "A prova foi muito rápida e técnica, com curvas de alta seguidas de curvas de baixa. No fim, conseguimos mais uma vitória", comemora Marcelo, que viu Vinicius Castro e João Cerqueira Neto conquistarem a primeira colocação na L200 Triton ER.

Nas categorias de Pajero TR4, destaque para Renato Kahn e Gilze Ferreira na Pajero TR4 ER. A dupla venceu as três provas da 5ª etapa e conseguiu abrir vantagem em relação ao segundo colocado na geral. "Fisicamente a disputa foi desgastante por causa do calor e, também, a prova foi muito difícil para navegar porque haviam referências o tempo todo. Mas é o tipo de etapa que eu gosto. Foi animal, ainda mais saindo invicto no dia", exalta Gilze.


Pajero TR4ER Master, Eder Benito e Fernando Abe subiram ao lugar mais alto do pódio, enquanto, na Pajero TR4 R, Dimitris Rusezyk Junior e Giulian Telma ficaram com a vitória. "A prova foi muito técnica. No ano passado, nós estreamos aqui em Mogi Guaçu, então foi uma vitória especial", conta Giulian.

A Nação 4x4 da Mitsubishi Cup volta a se encontrar no dia 22 de setembro, em uma etapa no Paraná.

A Mitsubishi Cup tem patrocínio do Itaú, Gol, Pirelli, Castrol, Magneti Marelli, Clarion, Mapfre, Transzero, Unirios, Armura Blindagem, Daslu Homem e apoio da Artfix. Mais informações no site:

www.mitsubishimotors.com.br.



Resultados - 5ª etapa
L200 Triton RS
1) Cristian Baumgart / Beco Andreotti (São Paulo / SP) - 43 Pontos
2) Marcos Baumgart Stroczynski / Kleber Cincea (São Paulo) - 43 Pontos
3) Juliano Diener / Vitor Muench (São Bento do Sul / SC) - 39 Pontos
4) Marlon Koerich / Sidinei Broering (Florianópolis / SC) - 28 Pontos
5) Michel Terpins / Sven Borris (São Paulo / SP) - 27 Pontos

L200 Triton ER Master
1) Marcelo Emerick Mendes / Deco Muniz (Juiz de Fora / MG) - 45 Pontos
2) Jose Helio Filho / Weidner Moreira (São Paulo / SP) - 39 Pontos
3) Lucas Moraes / Eduardo Bambi (Santana do Parnaíba / SP) - 39 Pontos
4) Vanderlei Cassol / Filipe Bianchini (Rio Verde / GO) - 35 Pontos
5) Regis Braga Maia / Rogério Almeida (Lauro de Freitas / BA) - 30 Pontos

L200 Triton ER
1) Vinicius Castro / Joao Cerqueira Neto (Lauro de Freitas / BA) - 43 Pontos
2) Sergio Augusto Klaumann / Francisco Ferreira (Rio Negrinho / SC) - 42 Pontos
3) Gunter Hinkelmann / Adriana Parra (São Paulo / SP) - 41 Pontos
4) Luiz Zarpellon / Daniel Vosnika (Irati / PR) - 33 Pontos
5) Amaury Olsen / Carlos Eduardo Sachs (Joinville / SC) - 32 Pontos

Pajero TR4 ER Master
1) Eder Benito / Fernando Abe (Indaiatuba / SP) - 40 Pontos
2) Henry Grosskopf / Gunnar Dums (São Bento do Sul / SC) - 39 Pontos
3) Albano Parente Jr / João Ferreira da Silva (Rio de Janeiro / RJ) - 38 Pontos
4) Carlos Henrique Scheffer Jr / Rafael Malucelli (Curitiba / PR) - 36 Pontos
5) Carlos Girolla / Gilberto Cecilio Junior (Blumenau / SC) - 33 Pontos

Pajero TR4 ER

1) Renato Kahn / Gilze Ferreira De Araújo (São Paulo / SP) - 45 Pontos
2) André Franco De Miranda / Osmar Dehn (Vinhedo / SP) - 39 Pontos
3) Fabrício Zanella Duarte / Elaine Ribeiro Machado (Brasília / DF) - 39 Pontos
4) Yuri Alexandre Afonso / Flavio Marinho França (Natal / RN) - 36 Pontos
5) Vilson Thomas / William Thomas (Brasília / DF) - 34 Pontos

Pajero TR4R
1) Dimitris Rusezyk Junior / Giulian Telma (Rio Negrinho / SC) - 45 Pontos
2) Jocimar A. Ristow / Victor Matta Ristow (Niterói / RJ) - 41 Pontos
3) Seigo Nakamura / Jorge Kupferminz (São Paulo / SP) - 36 Pontos
4) Luiz Claudio Parente / Glauco Alencastro (Rio de Janeiro / RJ)- 35 Pontos 
5) Kleber Cardozo / Rodrigo Schimitt (Florianópolis / SC) - 31 Pontos

Resultado Acumulado - Mitsubishi Cup

L200 Triton RS
1) Marcos Baumgart Stroczynski / Kleber Cincea (São Paulo / SP)- 173 Pontos
2) Cristian Baumgart / Beco Andreotti (São Paulo / SP) - 166 Pontos
3) Marcos Antonio Cassol / Luiz Felipe Eckel (Rio Verde / GO) - 156 Pontos
4) Marlon Koerich / Sidinei Broering (Florianópolis / SC) - 138 Pontos
5) Ingo Hoffmann / Kaique Bentivoglio (Vinhedo / SP) - 119 Pontos

L200 Triton ER Master
1) Marcelo Emerick Mendes / Deco Muniz (Juiz de Fora / MG)- 191 Pontos
2) Jose Helio Goncalves Filho / Weidner Moreira (São Paulo / SP) - 173 Pontos
3) Peterson Silva De Oliveira / Gilson Rocha (Tubarão / SC) - 141 Pontos
4) Regis Braga Maia / Rogério Almeida (Lauro de Freitas / BA)- 127 Pontos
5) Lucas Moraes / Eduardo Bambi (Santana do Parnaíba / SP) - 127 Pontos

L200 Triton ER

1) Gunter Hinkelmann / Josiane Koerich (São Paulo / SP) - 168 Pontos
2) Vinicius Castro / Joao Cerqueira Neto (Lauro de Freitas / BA)- 159 Pontos
3) Marco Falchetti / Ivo Renato Mayer (Tubarão / SC) - 144 Pontos
4) Cleber Rodrigues Rosa / João Victor Ribeiro (Fortaleza / CE) - 136 Pontos
5) Sergio Augusto Klaumann / Francisco Ferreira (Rio Negrinho / SC) - 108 Pontos

Pajero TR4 ER Master
1) Rafael Cassol / Lelio Vieira Junior (Rio Verde / GO) - 172 Pontos
2) Carlos Henrique Scheffer Jr / Rafael Malucelli (Curitiba / PR) - 141 Pontos
3) Carlos Roberto Girolla / Gilberto Cecilio Junior (Blumenau / SC)- 134 Pontos
4) Henry Grosskopf / Gunnar Dums (São Bento do Sul / SC) - 132 Pontos
5) Albano Parente Jr / João Ferreira Da Silva (Rio de Janeiro / RJ)- 128 Pontos

Pajero TR4 ER
1) Renato Kahn / Gilze Ferreira De Araujo (São Paulo / SP) - 177 Pontos
2) Andre Franco De Miranda / Osmar Dehn Joao (Vinhedo / SP) - 171 Pontos
3) Yuri Oliveira Afonso / Flavio Marinho Franca (Natal / RN)- 145 Pontos
4) Fabrício Zanella Duarte / Elaine Ribeiro Machado (Brasília / DF) - 135 Pontos
5) Acyr Alexandre Becker / João Stal (São Bento do Sul / SC) - 134 Pontos

Pajero TR4R
1) Dimitris Rusezyk Junior / Giulian Telma (Rio Negrinho / SC)- 197 Pontos
2) Jocimar A. Ristow / Victor Matta Ristow (Niterói / RJ) - 165 Pontos
3) Luiz Claudio Parente / Glauco Alencastro (Rio de Janeiro / RJ) - 154 Pontos
4) Paulo César Gondim / Antonio Chagas Jr. (Fortaleza / CE) - 133 Pontos
5) Marcelo Fiuza Chaves / Joaquim Bicudo Filho (Recife / PE) - 122 Pontos

Clique aqui e veja os resultados completos.


COM O PAÍS EM PROFUNDA CRISE, O GOVERNO DO PRIMEIRO-MINISTRO, PASSOS COELHO, DE PORTUGAL DECIDE SUBSTITUIR TODA A FROTA DE CARROS-PATRULHA DA PSP POR VEÍCULOS ELÉTRICOS, NUMA OPERAÇÃO QUE CUSTA 175 MILHÕES DE EUROS (R$ 435,75 MILHÕES). O LEAF É EXCELENTE, MAS...





Depois de vender mais de 35 mil unidades de seu modelo elétrico LEAF em pouco mais de um ano, em todo o mundo, a Nissan acaba de fazer um negócio que, além do bom resultado comercial, lhe dará uma excelente visibilidade: a Polícia de Segurança Pública (PSP), de Portugal, responsável pelo policiamento nas áreas urbanas - nas áreas rurais e estradas esse trabalho é executado pela Guarda Nacional Republicana - adquiriu 5.000 desses carros totalmente sustentáveis.


No mercado desde 2010, o Nissan LEAF foi o primeiro carro elétrico a ser produzido em série e foi eleito Automóvel Europeu, Mundial e Japonês do Ano de 2011, além de premiado com cinco estrelas nos exigentes testes Euro NCAP, tornando-o num dos automóveis mais seguros na estrada, e ser considerado a Melhor Escolha de Segurança do Insurance Institute for Highway Safety (IIHS), dos Estados Unidos em 2011.

Para o diretor da Nissan Ibéria – Portugal, Marco Toro, o elevado desempenho do Nissan LEAF já tinha dado provas de que este inovador veículo 100% eléctrico é a escolha perfeita para uma utilização familiar diária, graças ao seu espaço interior, conveniência e elevado equipamento. Agora, com a sua primeira utilização mundial por uma força de segurança, a PSP, demonstra que a essas qualidades se juntam as de um veículo funcional e eficiente em utilização profissional. E que outra melhor utilização poderia ter do que ser o garante da segurança de centenas de crianças que, como o Nissan LEAF, dão os seus primeiros passos na construção de um futuro melhor?”

A PSP, com cerca de 5.000 viaturas com motores de combustão, tem sua co-responsabilidade na emissão de CO e CO2 para a atmosfera, mas, será a primeira polícia ano mundo a adotar uma frota de carros elétricos e a corporação ressalta seu orgulho em passar a usar veículos ambientalmente corretos e ressalta que Portugal continuará a ser um país referencial nas questões ambientais, recentemente discutidas na Cimeira RIO+20. 

O motor CA do Nissan LEAF debita 80 kW de potência e 280 Nm de binário, o suficiente para uma velocidade máxima de 145 km/h e é alimentado por uma bateria laminada de iões de lítio, desenvolvida pela Nissan, com uma potência superior a 90 kW e que permite uma autonomia de 175km. O carregamento de um estado vazio até 100% demora de seis a oito horas com um carregador normal e apenas 30 minutos de um estado vazio até 80% utilizando um carregador rápido. 

O LEAF posssui possui ar condicionado, navegação por satélite, câmara de estacionamento traseiro e sistema de telemática CARWINGS, entre outros e começará a ser produzido na Europa, na fábrica da Nissan, em Sunderland, no Reino Unido, no começo de 2013. Os primeiros oito carros da frota são do modelo Nissan LEAF da PSP já foram entregues.



A PSP está radiante com a troca e o diretor nacional da instituição, Paulo Gomes Valente, ressalta que carros silenciosos, como o LEAF facilitam as abordagens em locais de risco e patrulhamento em áreas perigosas.


Compra em plena crise portuguesa
O fato estranho dessa compra, é que ela ocorre em plena crise econômica que assola o país.  O governo do primeiro-ministro Passos Coelho, pagará 35.000 euros por carro, ou seja, subtrairá do tesouro 175 milhões de euros (R$ 435,75 milhões), num momento em que Portugal registra taxas de desemprego da ordem dos 20% e quando o próprio chefe do governo vai à TV e aconselha os portugueses a emigrar. 

O primeiro-ministro Passos Coelho precisa explicar como decide substituir toda a frota de patrulhamento da PSP por carros elétricos, quando cortou os subsídios de férias e natal e reduziu o salário dos funcionários públicos em até 15%, elevou o IVA (imposto que incide sobre a despesa ou consumo e tributa o "valor acrescentado" das transações efectuadas pelo contribuinte).


Atualmente, a PSP, além de BMW, usa em sua frota um grande número do Skoda Octavia, produzido na República Tcheca, hoje uma subsidiária da Volkswagen. 






sexta-feira, 27 de julho de 2012

CHEVROLET APRESENTA A NOVA CAMPANHA DE LANÇAMENTO DO SPIN. É A PRIMEIRA VEICULAÇÃO FEITA PELA COMONWEALTH NA AMÉRICA LATINA. O SPIN SURGE NAS VERSÕES DE CINCO E SETE LUGARES


Um carro completo. Para tudo e para todos os perfis de família. Assim pode ser definido o mais novo lançamento da Chevrolet para o mercado brasileiro. Trata-se do Chevrolet Spin, um multi-purpose-vehicle, ou MPV.


Assista o filme:
 

Para comunicar a chegada da novidade ao mercado latino-americano foi criada campanha composta de filme e anúncios que, no Brasil serão veiculados a partir do dia 29 de julho. A ação, que também se destina aos mercados da Argentina, Uruguai e Paraguai, é a primeira na América Latina sob responsabilidade da Commonwealth, nova agência global da Chevrolet, fruto da joint venture entre a McCann Worldwide e a Goodby, Silverstein & Partners de São Francisco.


Nas peças são destacadas a multifuncionalidade do Spin, bem como seu interior espaçoso e confortável – que apresenta as versões de 5 e 7 lugares – em circunstâncias que mostram grupos de pessoas – família e amigos – fazendo uso do veículo de maneira dinâmica e alegre.

No filme “Parada”, por exemplo, vemos a típica situação de uma família com filhos pequenos em viagem, na qual a algazarra criada pela animação das crianças dificulta a comunicação do motorista com os passageiros do banco de trás. Além da música alta, duas irmãs adolescentes acompanham a música cantando. No banco da frente, a mãe se vira e tenta falar com as filhas.


Na última fileira de bancos, vemos o filho caçula sozinho, com um joguinho eletrônico. Assim que o carro passa reto por um posto de gasolina, ele tenta, sem sucesso, chamar a atenção do pai. De repente a bagunça é interrompida pelo toque do celular no sistema Bluetooth. O volume cai automaticamente, o pai vê que é uma chamada do filho, que recorreu ao celular para avisar que está apertado para ir ao banheiro. A família inteira cai no riso. A música volta e a família toda volta a cantar. Vemos então o Spin com a seta ligada entrando num posto de gasolina.

A locução em off arremata: “Sua família mudou. Seu carro também. Chegou Chevrolet Spin com 5 e 7 lugares. O seu carro pra curtir com todo mundo”.


Numa ação integrada entre o filme e a mídia impressa, o anunciante assina ação inovadora de realidade aumentada, em parceria com o jornal O Estado de S. Paulo. A peça funciona da seguinte forma: um ícone impresso no anúncio poderá ser lido pelos smartphones dos usuários que baixarem o aplicativo Estadão Realidade Aumentada (www.estadao.com.br/ra/iphone e www.estadao.com.br/ra/android), e revelará aos leitores o filme de 30”, com seu som e imagens originais.

A campanha é complementada por outros dois anúncios convencionais de página dupla. Em um dos anúncios vemos a mesma atmosfera familiar retratada em várias fotos feitas em estilo snapshot, que juntas formam um mosaico, justapostas à imagem do Spin na estrada. O título resume a proposta: “Toda confusão de uma reunião de família. Só que organizada”.


Em outro anúncio vemos a imagem do interior do carro, com um pai, seu filho adolescente e os amigos dele. O título brinca: “Finalmente a banda do seu filho vai sair da garagem”.

Integrando a comunicação 360º, no meio digital, foi desenvolvido um hotsite, ewww.chevroletspin.com.br, para apresentar detalhadamente o produto. Os consumidores podem visualizar o carro através de imagem 3D e fotos, além de um filme que dá sequência ao comercial de TV. A história inicia quando a família para no posto para o filho ir ao banheiro e se desenvolve com os personagens descrevendo os diferenciais do carro que mais interessam cada um. Enquanto as meninas falam sobre as vantagens do carro para andar com sua turma, o pai mostra o conforto e a conveniência proporcionada ao motorista. A campanha também marca presença nas redes sociais e nos principais canais da internet com anúncios interativos e links patrocinados.


Para o CRM digital foi desenvolvida uma ação que também funciona como ativação para as ações na web. Através do site, é possível criar adesivos customizados da sua família, com ilustrações especialmente criadas pela ilustradora Elisa Sassi para a Chevrolet. Depois de montar todos os personagens do adesivo, ele é enviado diretamente para a sua casa através de uma mala direta.

A campanha será veiculada nacionalmente até o final de agosto.


SUZUKI ADVENTURE INVADE AS TRILHAS DE SÃO BENTO DO SAPUCAÍ EM AGOSTO. TEM VOCÊ TEM UM SUZUKI FAÇA E FAÇA A SUA INSCRIÇÃO.


Localizado em um dos pontos mais altos da Serra da Mantiqueira, São Bento do Sapucaí é ideal para a prática de esportes de aventura. No dia 25 de agosto, a cidade estará ainda mais emocionante com uma trilha inédita que será preparada para a quarta etapa do Suzuki Adventure.


"Muitas pessoas procuram São Bento para montanhismo, trekking, vôo livre e visitar a Pedra do Baú. Diversão e aventura já estão garantidas! E é nesse cenário que vamos preparar um percurso inédito para o Suzuki Adventure", adianta Alex Kolling, diretor técnico da prova.


O Suzuki Adventure reúne pessoas de espírito jovem, que gostam de adrenalina e contato com a natureza. Um encontro que reforça ainda mais o espírito aventureiro da marca.


Foram três etapas realizadas até agora e, a primeira, em São José dos Campos (SP), ficou ainda mais emocionante com a forte chuva. As 70 duplas tiveram que enfrentar os desafios do terreno, atoleiros e muita lama.


De São Paulo para o Rio de Janeiro, em Penedo, a segunda etapa do Suzuki Adventure reuniu 120 duplas, que puderam sentir a adrenalina em terras cariocas. O dia estava ideal para o rali: piso molhado e escorregadio, sol no meio da tarde e um clima aconchegante. No final da competição, 400 pessoas, entre amigos e familiares, participaram da festa.


Em Joinville, Santa Catarina, foram mais de 80 duplas, que percorreram 150 quilômetros no mais puro off-road. Poças d´água, lama e passagem por uma floresta bem fechada fizeram parte da terceira etapa do Suzuki Adventure.


"O Suzuki Adventure proporciona experiências únicas aos nossos clientes. Uma oportunidade para que utilizem todas as funcionalidades de um Suzuki 4X4 e aproveitem o clima off-road", exaltou Luiz Rosenfeld, presidente da Suzuki Veículos.



Classificação Geral
Na categoria Fun, Ivan Pezzoto e Douglas Spisso estão na ponta da tabela com 38 pontos. A dupla participou de uma etapa da edição anterior e, no Suzuki Adventure 2012, quer levar o prêmio. Ivan relata a etapa mais difícil até agora, "A chuva, lama e o percurso muito bem montado deixaram a etapa em Joinville mais difícil e muito mais emocionante! Espero conseguir participar de todas as etapas e manter a classificação até final do rali".


Já na Categoria Pro, Alfredo e Camilo Turcatto estão com a melhor pontuação. O piloto do Grand Vitara 4x4, Alfredo, aguarda a próxima etapa, que será em São Bento do Sapucaí. "Muita ansiedade! Ansiedade para encontrar os amigos e aproveitar os momentos que o Suzuki Adventure proporciona. Antes mesmo de terminar a prova, já estou pensando na próxima".


Confira tabela com os 5 primeiros colocados na classificação geral:


Categoria Fun
1º Ivan Forster Pezzoto Júnior e Douglas Franco Spisso - Santana de Parnaíba - Samurai 4x4
2º Rodrigo de Freitas e Fabian Ruiz Sprotte - São Bento do Sul - Grand Vitara 4x4
3º Wagner Cipolla e Elisabete Norcia Serrao - São Paulo - Grand Vitara 4x4
4º Angelo Dell Agnolo Oliveira e Silvio Augusto Scarlate D Ana - São Paulo - Jimny 4x4
5º Pedro F Figoli e Valeria Duarte - São Paulo - Grand Vitara 4x4


Categoria Pro
1º Alfredo Turcatto e Camilo Turcatto - São Paulo - Grand Vitara 4x4
2º Jurandir do Amaral Juniot e Andrea Amaral - Bragança Paulista - Grand Vitara 4x4
3º Waldir Hudson Barbosa e Maria Eveli Giani Barbosa - Bragança Paulista - Grand Vitara 4x4
4º Paulo da Rocha Marcílio e Luciana Rodriguas Sanches - Taubaté - Grand Vitara 4x4
5º Marcos Fernando Bortoluz e Marcelo Nestor Bortoluz - Caxias do Sul - Grand Vitara 4x4


Premiação Suzuki Adventure 2012
O grande vencedor da temporada Suzuki Adventure 2012, na categoria Pro, ganhará uma incrível viagem a bordo do luxuoso navio Grand Amazon, com direito a três acompanhantes.


Na categoria Fun, o campeão ganhará quatro dias no charmoso Provence e Cottage Bistro, em Monte Verde (MG), também com direito a três acompanhantes.


Em todas as etapas, os cinco primeiros colocados das categorias Pro, Fun e Extreme recebem troféus e prêmios dos patrocinadores.


O Suzuki Adventure conta com o patrocínio de Bridgestone, Itaú, Mobil, Clarion, Weldmatic, Fusion Energy Drink, Truffi Blindados, Mangels, Automotiva Usiminas, Cisa Trading, MVC Soluções em Plásticos , Vix Transportes e ACE Seguros.


Inscrição
Poderão se inscrever no rali os proprietários de veículos Suzuki 4x4 (Jimny, Grand Vitara, Vitara, Sidekick e Samurai). As inscrições deverão ser feitas no sitewww.suzukiveiculos.com.br e estarão condicionadas à doação de dois cobertores novos, que serão destinados a instituições beneficentes da cidade onde o rali é realizado. Na sexta-feira que antecede a data da etapa, a Suzuki Veículos oferecerá uma aula de navegação para os clientes, com o objetivo de ensinar práticas e procedimentos, como leitura de planilha, e orientações gerais sobre o trecho a ser disputado.


A próxima etapa do Suzuki Adventure será dia 25 de agosto, em São Bento do Sapucaí, São Paulo. Mais informações, acesse: www.suzukiveiculos.com.br


Etapas da temporada 2012 - Suzuki Adventure 
21/4 - São José dos Campos (SP)
26/5 - Penedo (RJ)
23/6 - Joinville (SC)
25/8 - São Bento do Sapucaí (SP)
06/10 - Belo Horizonte (MG)
01/12 - Campinas (SP)


Eventuais alterações de datas e locais serão comunicadas com antecedência no site www.suzukiveiculos.com.br


GM SE COMPROMETE A NÃO FAZER NOVAS DISPENSAS ATÉ 4 DE AGOSTO, NA FÁBRICA DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

SÃO PAULO - Sindicalistas e representantes da General Motors deixaram a reunião realizada hoje na prefeitura de São José dos Campos (SP) com o compromisso de elaborarem propostas que evitem o esvaziamento da fábrica na cidade e evitem a demissão de 1.500 funcionários. 
As duas partes voltam a se reunir no dia 4 de agosto, às 11 horas, e até lá a montadora se comprometeu a não tomar nenhuma decisão em relação a dispensas, de acordo com assessores da montadora e do sindicato.
Na madrugada de ontem a GM suspendeu a produção e deu dispensa remunerada a todos os funcionários, levantando o temor de demissões. A montadora não divulgou nenhuma informação a respeito de corte de funcionários e alegou que a dispensa se deu para proteger os empregados. O sindicato local classificou a atitude da empresa como locaute.
A GM de São José dos Campos produz os modelos Corsa, Classic, Meriva, Zafira e S10, além de motores e kits para exportação. Hoje a fábrica de São José deixa de produzir o modelo Corsa. Nesta linha, a chamada MVA, trabalham 1.500 funcionários. A montadora também já encerrou a produção do Zafira que, junto com o Meriva, está sendo substituída pela minivan Spin. Este modelo, no entanto, está sendo fabricado na unidade de São Caetano do Sul.

BMW DIVULGA AS SUAS MELHORES REVENDEDORAS DE MOTOCICLETAS NO MUNDO. A PRIMEIRA, A CALTABIANO, DE SÃO PAULO. NA TERCEIRA E NA QUARTA POSIÇÕES A AUTOKRAFT, DO RIO DE JANEIRO E A EUROIBIKE, DE SÃO PAULO.. MAS, TEM MAIS BRASILEIRAS.


A BMW Motorrad acaba de divulgar o ranking mundial das 10 maiores concessionárias do mundo, tomando como base para análise os seus resultados de vendas do primeiro semestre de 2012.

Com excelente desempenho no Brasil, a BMW Motorrad fechou o semestre com 3.335 unidades comercializadas, o que representou um crescimento de 76,5% com relação ao mesmo periodo de 2011. Hoje, o mercado nacional já é o quinto para a marca em nível mundial e está representado no ranking por cinco revendas.

A concessionária Caltabiano é o grande destaque. Primeira do ranking pela segunda vez consecutiva, a revenda comercializou 598 motocicletas no primeiro semestre de 2012, enquanto que a segunda, a BMW ROMA, somou 453 unidades vendidas no período.

Confira o ranking mundial das 10 maiores concessionárias BMW Motorrad em 2012:



País
 Revenda
Cidade
Volume de vendas 1º semestre 2012
1
Brasil
Caltabiano
São Paulo, SP
598
2
Itália
BMW Roma
Roma
453
3
Brasil
Autokraft
Rio de Janeiro, RJ
400
4
Brasil
Eurobike
São Paulo, SP
341
5
Itália
BMW Motorrad Milano
Milano
337
6
França
BMW Motorrad Etoile
Paris
319
7
Brasil
Power Motorrad
São Paulo, SP
316
8
Russia
Avtodom
Moscow
259
9
Chile
Williamson Balfour Motors
Santiago
249
10
Brasil
Euroville
Belo Horizonte, MG
235

BMW TEM PRATICAMENTE PRONTA A SUA SCOOTER ELÉTRICA DE ALTO DESEMPENHO QUE ESTÁ EM TESTES, EM LONDRES, DURANTE O JOGOS OLÍMPICOS.


Com a nova "Evolução C" BMW Motorrad apresentou o primeiro protótipo da scooter elétrica de alto desempenho, que está perto da fase de produção. A BMW não informou ainda o preço de custo da moto.


De 27 julho a 12 agosto, serão realizados os testes de cinco protótipos em Londres, aproveitando o elevado número de visitantes na cidade para os Jogos Olímpicos. 


Esses testes em condições reais serão em seguida estendidos a outros grandes centros europeus, mercados potenciais da motocicleta, o que irá permitir à BMW, obter maior experiência no domínio da mobilidade elétrica, visando a produção em série do modelo que poderá ocorrer ainda este ano.



EM 2012, TODAS AS MOTOCICLETAS FABRICADAS PELA BMW SAIRÃO DE FÁBRICA COM SISTEMA ABS

F 700 GS (à esq) e F 800 GS
Conduzir uma moto e segurança são conceitos estreitamente ligados entre si e a BMW Motorrad mantem a liderança há várias décadas no que diz respeito à segurança de quem pilota motocicletas e graças ao interesse da companhia pelo assunto foi possível desenvolver um conceito amplo de segurança que engloba as várias questões relativas à condução de uma moto e que podem se desdobradas em três aspetos fundamentais:

Segurança da própria moto
Segurança de acordo com o equipamento usado pelo condutor
Segurança obtida através de cursos de direção

O tema segurança adquire cada vez maior importância para o público em geral e até no âmbito político, em face das estatísticas que apresentam altos índices de acidentes. Diante disso, a BMW Motorrad vem aprimorando os níveis de segurança de suas motos, pois tem plena consciência do que esse item representa para a sociedade. 

Em 1988, a BMW produziu a primeira moto equipada com o sistema ABS, antibloqueio de roda em freadas. A partir de 2013, todas as motos sairão de fábrica com ABS de série. E antecipando-se à lei que com toda a certeza sairá na Europa impondo essa exigência a todas as motocicletas fabricadas no continente, a partir de 2016, beneficiando primeiro os modelos F 700 GS e F 800 CS, ambos equipados com  motores bicilíndricos.

A BMW lembra que os seus cuidados com o item segurança sempre foi uma de suas preocupações ao longo dos 90 anos de existência da empresa. Nos anos 80 e 90 adotou o sistema  BMW Motorrad Paralever, na roda traseira e o sistema Telelever na roda dianteira. Em 2004, implantou um novo sistema de suspensão e amortização que elevou a estabilidade da moto. No mesmo ano estreou um sistema de regulagem eletrônica da suspensão (ESA), entre muitos outros benefícios.
                                          


RENAULT SENTE A CRISE EUROPEIA E REGISTRA QUEDA DE 39% NO LUCRO LÍQUIDO QUE NÃO CHEGOU AOS 750 MILHÕES DE EUROS - CERCA DE R$ 1,8 BILHÃO

A Renault registou um lucro líquido de 746 milhões de euros (em torno de R$ 1,9 bilhão) no primeiro semestre, o que indica uma queda de 39% em relação a igual período de 2011, informou hoje o fabricante francês.
O faturamento do grupo caiu 0,8% até aos 20.935 milhões de euros, principalmente pela contração do mercado europeu, justificou a Renault em comunicado. A margem operacional do grupo atingiu os 482 milhões de euros, o que equivale a uma queda de 33% em termos absolutos.

A margem da divisão automóvel, que representa 19.863 milhões de euros de faturação, caiu até os 87 milhões de euros, frente aos 221 milhões de euros do mesmo período de 2011, enquanto o resultado semestral de exploração retrocedeu 39%  até aos 519 milhões de euros.

Mercado automóvel deverá crescer 5% 

Dentro do grupo, a Nissan contribuiu com 564 milhões de euros (frente aos 441 milhões de euros do primeiro semestre de 2011), a Volvo contribuiu com 68 milhões de euros (ligeiramente abaixo dos 70 milhões registados entre janeiro e junho do ano passado) e a AutoVaz quatro milhões de euros, face aos 37 milhões de euros registados no período homólogo de 2011.
Segundo as previsões da Renault, globalmente, o mercado automóvel crescerá cerca de 5% em 2012, acima dos quatro por cento estimados anteriormente.Já o mercado europeu cairá entre 6 a 7% de acordo com as previsões da marca francesa.

Faturação desceu 5,1%

Apesar das dificuldades, e de um "ambiente difícil e incerto", a Renault confirmou os seus objetivos anuais, que passam por atingir um fluxo de caixa operativo livre, indicou o presidente do grupo, Carlos Goshon.O grupo automóvel francês PSA Peugeot Citroën, concorrente da Renault, anunciou na quarta-feira perdas líquidas de 819 milhões de euros no primeiro semestre de 2012. A sua faturação diminuiu 5,1%, até aos 29.600 milhões de euros, e a PSA Peugeot Citroën planeia cortar 8.000 postos de trabalho em França.

ACESSE TODAS AS POSTAGENS E SAIBA TUDO SOBRE O MUNDO AUTOMOTIVO.